Et3 Volta ao Algarve: Cancellara vence CRI, Tony Martin sobe à liderança

Fabian Cancellara (Trek-Segafredo) foi senhor de uma solitária luta contra o relógio irrepreensível ao longo dos 18 km pedalados em Sagres. A 51,551 km/h, o corredor suíço venceu a terceira etapa em 20m57s, gastando menos 5s do que o novo líder da Volta ao Algarve (2.1) Tony Martin (Etixx-Quick Step) e menos 28s do que Geraint Thomas (Team Sky).

Cancellara 'tweeta' à espera dos resultados do CRI:
"Ainda não terminou a corrida...estou no 'hot seat' da
linha de meta do contra-relógio de hoje na #VoltaAlgarve"

(foto @f_cancellara)

O contra-relógio individual produziu mudanças na geral individual da Algarvia. Depois de ontem Marcel Kittel (Etixx-Quick Step) ter perdido a amarela para Luis León Sánchez (Astana), hoje foi a vez do espanhol perder a liderança para Tony Martin (Etixx-Quick Step), após uma queda sofrida a meio do percurso e consequente abandono.

No ponto intermédio de cronometragem, instalado ao km 11,3, o alemão Tony Martin superou Cancellara em 8s, não conseguindo manter a superioridade até ao cruzar da linha de meta. O suíço foi mais forte, batendo toda a concorrência e conquistando a segunda vitória do ano, depois do triunfo no Trofeo Serra de Tramuntana do Challenge Mallorca (1.1).


“Senti-me bem e dei tudo na estrada”, afirmou Cancellara. “A corrida era um-quarto técnica na primeira parte e três-quartos com mais rectas. Muito vento, vento de costas e cruzado, foi realmente difícil. Depois da dura etapa de ontem, não tinha uma grande expectativa de ir para a vitória. Eu sabia que começava cedo e com Martin e Thomas a começar tão tarde… foquei-me apenas em mim mesmo, na minha performance. Fiz o meu aquecimento habitual e tive boas sensações no treino. Nesta situação, com a minha experiência, sabia que com estas sensações estava bem e mentalmente isso ajudou-me.”

No Top 10 da jornada, o destaque recaiu sobre a espanhola Movistar Team, que terminou com quatro homens nos lugares cimeiros, entre eles o campeão nacional luso Nelson Oliveira com um excelente 5º lugar (+37”).

Para além de Oliveira, como vem sendo hábito nesta 42ª edição da Volta ao Algarve, Tiago Machado (Team Katusha) esteve entre os primeiros do dia terminando na 25ª posição (+1:14”). Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) voltou a ser o ciclista mais destacado das equipas continentais lusas com um 53º lugar (1:49”). Na geral, Machado encontra-se em 7º lugar (+59”), Oliveira em 11º (+1:09”) e Amaro Antunes em 15º (+1:38”).

Na luta pela geral, Tony Martin assumiu a liderança, o britânico Geraint Thomas (Team Sky) manteve o 2º lugar a escassos 3s e o espanhol Ion Izagirre (Movistar Team) subiu a 3º a uma distância de 20s. O campeão espanhol Alberto Contador (Tinkoff) subiu a 10º da geral (+1:07"), após terminar o dia a pedalar o 13º melhor tempo (+1:03").

Na quarta e penúltima etapa percorrem-se 194 km de S. Brás de Alportel a Tavira.
 
Cancellara no contra-relógio individual em Sagres
(foto www.voltaaoalgarve.com)
Tony Martin assume liderança da Algarvia
(foto www.voltaaoalgarve.com)
Amaro Antunes no aquecimento antes do CRI
(foto facebook oficial LA Alumínios-Antarte)


Resultados Et3
1 Fabian Cancellara (Sui) Trek-Segafredo 20:57
2 Tony Martin (Ger) Etixx-Quick Step +5”
3 Geraint Thomas (GBr) Team Sky +28”
4 Ion Izagirre (Esp) Movistar Team +37”
5 Nelson Oliveira (Por) Movistar Team +37”
6 Jonathan Castroviejo (Esp) Movistar Team +37”
7 Alex Dowsett (GBr) Movistar Team +40”
8 Tony Gallopin (Fra) Lotto Soudal +51”
9 Victor Campanaerts (Bel) LottoNL-Jumbo +51”
10 Ramunas Navardauskas (Ltu) Cannondale +55”

CG
1 Tony Martin (Ger) Etixx-Quick Step 9:22:17
2 Geraint Thomas (GBr) Team Sky +3”
3 Ion Izagirre (Esp) Movistar Team +20”
4 Tony Gallopin (Fra) Lotto Soudal +46”
5 Thibaut Pinot (Fra) FDJ +47”
6 Primoz Roglic (Slo) LottoNL-Jumbo +52”
7 Tiago Machado (Por) Team Katusha +59”
8 Ilnur Zakarin (Rus) Team Katusha +1:04”
9 Jarlinson Pantani (Col) IAM Cycling +1:05”
10 Alberto Contador (Esp) Tinkoff +1:07”
Resultados completos aqui
______
Et1 Volta ao Algarve: Kittel vence em Albufeira
Volta ao Algarve 2016: percurso e equipas

Sem comentários:

Enviar um comentário