Et2 GP Beiras: vitória de José Gonçalves e liderança de Wackermann

Continua a senda de vitórias da Caja Rural-Seguros RGA. Na etapa de hoje do GP Beiras e Serra da Estrela, o luso José Gonçalves garantiu o oitavo triunfo da temporada para a equipa espanhola. O italiano Luca Wackermann (Nasr-Dubai) foi terceiro na meta e subiu à liderança da camisola amarela.

“A equipa trabalhou muito bem, soubemos controlar e atacámos para testar as forças dos restantes. No final cabia-me a mim rematar e, apesar de ter sido um final muito louco, consegui finalizar o trabalho de todos os meus companheiros. Agora há que pensar na etapa de amanhã para que a equipa possa ganhar a geral”, palavras de José Gonçalves, recente vencedor do Tour of Turkey.

Vitória de José Gonçalves
(foto GP Beiras)

A segunda etapa ligou o Sabugal ao Fundão em 198,6 km. A mais longa jornada do Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela desenrolou-se, à imagem de ontem, em terreno de sobe e desce com três subidas de 3ª categoria.

A fuga do dia demorou a tomar forma, sendo Rui Sousa (Rádio Popular-Boavista) quem abriu as hostilidades com cerca de 100 km pedalados. Ao experiente ciclista português juntaram-se os italianos Pierpaolo Ficara e Marco Zamparella (Amore & Vitta-Selle SMP), sendo este último o mais resistente em fuga, alcançado a 21 km do final.

Antes da marca dos derradeiros 15 km, a corrida sofreu uma paragem, devido a um erro no percurso. Este facto levou os comissários a creditarem todos os corredores com o mesmo tempo na meta, sendo atribuídas as devidas bonificações aos primeiros a cruzarem a linha.

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) ainda tentou o elemento surpresa, atacando no final da jornada, mas sendo alcançado dentro dos 1000m finais. Na luta pela vitória da jornada, José Gonçalves foi o mais forte neste segundo dia de prova, completando o pódio Redi Halijaj (Amore & Vitta-Selle SMP) e o novo líder Luca Wackermann, que está a pontuar de sucesso a primeira temporada da equipa Nasr-Dubai.

Neste sábado, houve especial destaque para o 4º lugar do jovem Rui Oliveira (Selecção Nacional), de 19 anos, que após uma soberba performance subiu a 7º da geral e é o novo dono da camisola da juventude, seguido de Dmitrii Strakhov (Lokosphinx) e Roller Camilo Diagama (Boyacá Raza de Campeones).

Nas restantes classificações secundárias, Rui Vinhas (W52-FC Porto) manteve a liderança na montanha, Ángel Madrazo (Caja Rural-Seguros RGA) assumiu o comando das metas volantes e a Lokosphinx continuou a imperar por equipas.

A terceira e última etapa irá percorrer 194,1 km entre a Guarda e Penhas da Saúde.
 
Pódio da 2ª etapa (foto GP Beiras)

Resultados Et2
1º José Gonçalves (Por) Caja Rural-Seguros RGA 5:13:36
2º Redi Halijaj (Alb) Amore & Vitta-Selle SMP m.t.
3º Luca Wackermann (Ita) Nasr Dubai m.t.
4º Rui Oliveira (Por) Selecção Nacional m.t.
5º Sergei Shilov (Rus) Lokosphinx m.t.
6º Vicente de Mateos (Esp) Louletano-Hospital de Loulé m.t.
7º Filipe Cardoso (Por) Efapel m.t.
8º Edgar Pinto (Por) Selecção Nacional m.t.
9º Diego Milan (Dom) Inteja-MMR m.t.
10º Karol Domagalski (Pol) One Pro Cycling m.t.

C. Geral
1º Luca Wackermann (Ita) Nasr Dubai 8:41:09
2º Eduard Prades (Esp) Caja Rural-Seguros RGA +2”
3º Ángel Madrazo (Esp) Caja Rural-Seguros RGA +3”
4º Redi Halijaj (Alb) Amore & Vitta-Selle SMP +6”
5º Rui Sousa (Por) Rádio Popular-Boavista +6
6º Sergei Shilov (Rus) Lokosphinx +8”
7º Rui Oliveira (Por) Selecção Nacional +10”
8º Joni  Brandão (Por) Efapel +10
9º Henrique Casimiro (Por) Efapel +11
10º Vicente de Mateos (Esp) Louletano-Hospital de Loulé +12”
Resultados completos aqui
______

Sem comentários:

Enviar um comentário