João Matias triunfa no Bombarral: “Faltava-me uma vitória como esta a nível profissional”

João Matias (LA Alumínios-Metalusa-BlackJack) venceu o 2º Circuito do Bombarral – Circuito da Pêra Rocha Liberty Seguros. O ciclista de 26 anos, que envergou por diversos dias a liderança da camisola da montanha na recente Volta a Portugal, superou ao sprint toda a concorrência, completando o pódio Fábio Silvestre (Sporting-Tavira) e Daniel Freitas (W52-FC Porto).

Ao Cycling & Thoughts, João Matias mostrou-se muito satisfeito com esta especial vitória: “Depois da excelente Volta a Portugal que fiz, sentia-me muito bem e faltava-me uma vitória como esta a nível profissional. Há muito tempo que procurava. É a primeira vez que levanto os braços a nível individual e é muito especial. Sinto-me muito bem, muito contente e muito agradecido a toda a equipa da LA Alumínios-Metalusa-BlackJack.”

ÁLBUM DE FOTOS COMPLETO AQUI!
 
Fulgurante vitória de João Matias no Bombarral (© Helena Dias)

O Circuito do Bombarral correu-se na tarde deste sábado, 30 voltas num total de 78 km. O pelotão de 87 ciclistas esteve sempre muito activo ao longo de toda a prova, desferindo vários ataques na procura de tentar formar uma fuga. Mas as voltas foram passando e as tentativas todas anuladas.

Entre os atacantes do dia contam-se ciclistas da equipa espanhola Burgos-BH e nomes como o 3º na geral da Volta a Portugal Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé) e o campeão nacional de contra-relógio Domingos Gonçalves (RP-Boavista).

A duas voltas do final, o vencedor da etapa no alto da Nossa Sra. da Assunção, o jovem António Barbio (Efapel) tentou sair em solitário, seguindo-se a uma volta do final a tentativa de Mário González (Sporting-Tavira), ambos sem sucesso.

A velocidade a que se pedalou levou o pelotão a ficar dividido em dois grupos, ficando a disputa da vitória entregue ao primeiro grupo. O mais forte na luta ao sprint foi João Matias, que assim alcançou a sua primeira vitória profissional. Em 10º cruzou a linha André Ramalho (Jorbi-Team José Maria Nicolau), destacando-se como melhor sub-23.

Antes dos sub-23 e elites disputarem o Circuito do Bombarral, foi a vez de cadetes, juniores e femininas disputarem as suas provas no designado 3º Troféu Guilherme Silva, em homenagem ao ciclista, que faleceu aos 18 anos vítima de queda enquanto treinava no Montejunto, em 2015. Os pais estiveram presentes e viveram emocionados a homenagem ao jovem Guilherme.

Pelotão a postos para iniciar o Circuito do Bombarral (© Helena Dias)

João Matias foi o mais forte a cruzar a meta no Bombarral (© Helena Dias)

Pais de Guilherme Silva presentes no Circuito em homenagem ao filho (© Helena Dias)

André Ramalho destacou-se entre os sub-23 (© Helena Dias)

João Matias, Fábio Silvestre e Daniel Freitas brilharam no pódio do Bombarral (© Helena Dias)

Resultados
1º João Matias (Por) LA Alumínios-Metalusa-BlackJack 1:42:37
2º Fábio Silvestre (Por) Sporting-Tavira +3s
3º Daniel Freitas (Por) W52-FC Porto +3s
4º Daniel Mestre (Por) Efapel +3s
5º Luís Gomes (Por) RP-Boavista +3s
6º César Fonte (Por) LA Alumínios-Metalusa-BlackJack +3s
7º Juan Pérez Martín (Esp) W52-FC Porto +3s
8º Vicente de Mateos (Esp) Louletano-Hospital de Loulé +3s
9º Daniel López (Esp) Burgos-BH +3s
10º André Ramalho (Por) Jorbi-Team José Maria Nicolau +3s



Sem comentários:

Enviar um comentário