TJAgostinho: Amaro Antunes conquista Troféu, João Benta reina na Carvoeira

Amaro Antunes (W52-FC Porto) afirmou-se uma vez mais como sendo um dos melhores ciclistas da actualidade ao conquistar aos 26 anos de idade a 40ª edição do Grande Prémio Internacional de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho. Na derradeira etapa com chegada no alto da Carvoeira, a vitória sorriu a João Benta (RP-Boavista), o rei de Montejunto nos dois anos anteriores.


O último dia prometia ser renhido até ao último metro de asfalto e o pelotão não desiludiu. Numa das melhores e mais disputadas edições dos últimos anos, o Troféu Joaquim Agostinho levou a decisão da amarela até à Carvoeira. No alto do Parque Eólico, Amaro Antunes cruzou a linha em 3º, agarrando de vez a conquista da amarela, camisola que vestiu no final da etapa transacta em Torres Vedras, após no dia anterior ter ganho no alto de Montejunto.

Depois de vencer a etapa do Malhão na Volta ao Algarve e a Clássica da Arrábida, este é um triunfo bastante significativo, numa das principais provas do calendário nacional, que homenageia o grande e carismático Joaquim Agostinho. Ao lado de Amaro Antunes, subiu ao pódio a dupla da equipa Sporting-Tavira, fechando em 2º da geral o vencedor de 2016 Rinaldo Nocentini, a 15 segundos, e em 3º Frederico Figueiredo, a 18 segundos .
 
Amaro Antunes conquista a 40ª edição do Troféu Joaquim Agostinho (© Helena Dias)

João Benta triunfa no alto da Carvoeira (© Helena Dias)

Os derradeiros 162 km foram pedalados entre S. Martinho do Porto e o alto de 3ª categoria da Carvoeira, numa jornada pontuada ainda pela subida de 1ª categoria do Miradouro da Santa (km 120,8) e uma 3ª categoria a 19,8 km da chegada.

A fuga do último dia não se fez esperar, formando-se aos primeiros quilómetros um grupo composto por Rui Sousa (RP-Boavista), Pedro Paulinho (Louletano-Hospital de Loulé), António Barbio (Efapel), Jorge Cubero (Burgos BH), o primeiro líder da juventude Óscar Rodríguez (Euskadi-Murias), Guillaume de Almeida e João Matias (LA Alumínios-Metalusa-BlackJack), Romain Campistrous (Armée de Terre), Herman Dahl (Team Sparebanken Sor), Óscar Pelegri (Caja Rural-Seguros RGA) e o líder das metas volantes César Martingil (Liberty Seguros-Carglass).

Atingindo um máximo de 9 minutos de vantagem para o pelotão, a fuga viu César Martingil e João Matias atacarem com 62 km percorridos, com o ciclista da Liberty Seguros-Carglass a garantir em definitivo a conquista da camisola das metas volantes.

Superada a mais dura subida do dia no Miradouro da Santa, em Montejunto, coroada por João Matias, o duo foi vendo chegar à sua companhia alguns dos companheiros da fuga inicial.

A perseguição do pelotão apagou a distância ao longo dos últimos quilómetros, resistindo na frente a 4 km da meta João Matias, Óscar Rodríguez e António Barbio. O ciclista da Efapel atacou no início da derradeira ascensão, sendo alcançado já dentro do quilómetro final.

No alto da Carvoeira, João Benta não deixou escapar a vitória nesta edição, que fechou em 4º da geral, triunfando na meta frente ao italiano Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira) e Amaro Antunes (W52-FC Porto), vencedor do Troféu em 2017. Seguiram-se com o mesmo tempo na meta Frederico Figueiredo (Sporting-Tavira), Bruno Silva (Efapel), Edgar Pinto (LA Alumínios-Metalusa-BlackJack), o vencedor do GP Mortágua David Rodrigues (RP-Boavista) e David de la Fuente (Louletano-Hospital de Loulé).

Nas contas finais da 40ª edição do Troféu Joaquim Agostinho, Amaro Antunes brilhou no pódio com a conquista da camisola amarela, a geral por pontos, da montanha e do combinado.

O jovem César Martingil conquistou a camisola das metas volantes e a W52-FC Porto triunfou por equipas, seguida da Efapel e da LA Alumínios-Metalusa-BlackJack.

O campeão nacional sub-23 de contra-relógio e vencedor da Volta a Portugal do Futuro José Neves, que chegou a envergar a amarela neste Troféu e fechou em 5º da geral, conquistou a camisola laranja da juventude, seguido nesta classificação por Tiago Antunes (Sicasal-Constantinos-Delta Cafés) e João Rodrigues (W52-FC Porto).

Resultados Et4 [resultados completos]
1º João Benta (Por) RP-Boavista 4:14:06 [38,158 km/h]
2º Rinaldo Nocentini (Ita) Sporting-Tavira mt
3º Amaro Antunes (Por) W52-FC Porto mt
4º Frederico Figueiredo (Por) Sporting-Tavira mt
5º Bruno Silva (Por) Efapel mt
6º Edgar Pinto (Por) LA Alumínios-Metalusa-BlackJack mt
7º David Rodrigues (Por) RP-Boavista mt
8º David de la Fuente (Esp) Louletano-Hospital de Loulé mt
9º José Neves (Por) Liberty Seguros-Carglass +6s
10º Pablo Torres (Esp) Burgos BH +12s

Classificação Geral Final
1º Amaro Antunes (Por) W52-FC Porto 16:22:17
2º Rinaldo Nocentini (Ita) Sporting-Tavira +15s
3º Frederico Figueiredo (Por) Sporting-Tavira +18s
4º João Benta (Por) RP-Boavista +40s
5º José Neves (Por) Liberty Seguros-Carglass +44s
6º Vicente de Mateos (Esp) Louletano-Hospital de Loulé +52s
7º Sérgio Paulinho (Por) Efapel +54s
8º Pablo Torres (Esp) Burgos BH +1:11s
9º Edgar Pinto (Por) LA Alumínios-Metalusa-BlackJack +1:19s
10º David de la Fuente (Esp) Louletano-Hospital de Loulé +1:19s
______

Álbum Fotos:

Ver também:

Sem comentários:

Enviar um comentário