Colombiano e Lusos dividem protagonismo na Volta a Portugal de Juniores

O colombiano Victor Ocampo (Bairrada) venceu a 12ª Volta a Portugal de Juniores, numa edição em que dividiu protagonismo com os lusos Pedro Lopes (Alcobaça CC/Crédito Agrícola) e Afonso Silva (Sporting-Tavira/Formação Eng. Brito da Mana), que fecharam o pódio da geral. O protagonismo luso residiu ainda em Pedro Andrade (Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade), João Dinis (RP-Boavista) e Carlos Salgueiro (ACD Milharado/EC Manuel Martins), vencedores de três etapas.

 
Pódio final da 12ª Volta a Portugal de Juniores (© Fotógrafo João Fonseca)

Depois de se estrear a vencer na quarta prova pontuável da Taça de Portugal de Juniores, em Penafiel, Victor Ocampo rematou a Volta a Portugal com uma duríssima vitória na etapa rainha, no alto de Montejunto, conquistando desta forma a camisola amarela da mais importante prova nacional do escalão de juniores. Uma destacável vitória para o jovem ciclista que iniciou a sua história neste desporto há 3 anos, chegou a Portugal em Abril ao abrigo de um protocolo entre a Bairrada e a Liga de Ciclismo de Antioquia e tem como ídolo o seu conterrâneo Rigoberto Urán (Cannondale-Drapac), actualmente em 4º no Tour de France e vencedor da 9ª etapa com chegada em Chambéry.

A equipa da Bairrada manteve-se no comando da camisola amarela desde o primeiro quilómetro da 12ª Volta a Portugal de Juniores. A vitória do contra-relógio colectivo, alcançada no prólogo, deu uma curta vantagem ao grupo dirigido por Henrique Queirós. Nesse curto exercício de 5,7 km no Bombarral, Fábio Resende vestiu a amarela, após a sua equipa ter ganho com 6 segundos sobre a Alcobaça CC/Crédito Agrícola e 7 segundos sobre a Sicasal/Liberty Seguros/Bombarralense.

Ao prólogo seguiu-se a primeira etapa em linha, de 115,5 km entre as Caldas da Rainha e Rio Maior, com uma vitória emotiva de Pedro Andrade (Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade) e dedicatória especial ao companheiro Jorge Tiago Alves, vítima de acidente mortal no dia 11 deste mês. Com um ataque a 5 km da meta, Pedro Andrade garantiu o triunfo por 2 segundos sobre o pelotão encabeçado por Pedro Teixeira (Maia) e Paul Ferreira (Jorbi-Team José Maria Nicolau). Neto do vencedor da Volta a Portugal de 1969 Joaquim Andrade e filho de Joaquim Andrade, três vezes campeão nacional e detentor do Record do Guinness com maior número de presenças na Volta a Portugal (21), a qualidade de Pedro Andrade vai para além do nome, tendo nesta temporada de 1º ano de júnior alcançado o triunfo do Troféu Carlos Carvalho e o título de campeão de desporto escolar no Circuito Regional Norte de BTT.

No final dessa primeira jornada, Victor Ocampo cruzou a linha em 7º, subindo à liderança da amarela, que protegeu até ao derradeiro dia.

A segunda etapa dividiu-se por dois sectores, disputando-se pela manhã de sábado 49,2 km entre Vila Franca de Xira e Póvoa de Santa Iria. A chegada de 4ª categoria foi disputada ao sprint entre um grupo de 11 corredores, imperando João Dinis (RP-Boavista) diante de Hugo Garcez (Silva & Vinha/Adrap/Sentir Penafiel) e António Ferreira (Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade). João Dinis, que este ano tem sido presença assídua na Selecção Nacional Júnior, é um dos jovens em ascensão na equipa boavisteira, que este ano já andou de amarela na Volta a Loulé, onde venceu duas etapas.

Da parte da tarde, disputou-se o contra-relógio individual de 11,4 km em Alenquer com vitória de Carlos Salgueiro (ACD Milharado/EC Manuel Martins), também ele vencedor da última etapa e da geral da Volta a Loulé. No esforço individual, gastou menos 10 segundos do que o 2º classificado e campeão nacional de crono Afonso Silva (Sporting-Tavira/Formação Eng. Brito da Mana) e menos 17 segundos do que o campeão nacional de fundo Guilherme Mota (Alcobaça CC/Crédito Agrícola).

Chegados à derradeira jornada, a etapa rainha ligou Torres Vedras ao alto de Montejunto em 108,9 km. O camisola amarela Victor Ocampo fechou com chave de ouro a 12ª edição da Volta a Portugal de Juniores, reclamando o triunfo no alto de 1ª categoria, deixando a 2 segundos o vencedor da Taça de Portugal Pedro Lopes (Alcobaça CC/Crédito Agrícola) e a 15 segundos Afonso Silva (Sporting-Tavira/Formação Eng. Brito da Mana).

Nas classificações secundárias, Carlos Salgueiro (ACD Milharado/EC Manuel Martins) triunfou na montanha, Francisco Pereira (Maia) nos pontos, Afonso Silva (Sporting-Tavira/Formação Eng. Brito da Mana) na juventude e a Bairrada por equipas, seguida de Alcobaça CC/Crédito Agrícola e Moreira Congelados/Feira/Bicicletas Andrade.

Classificação Geral Final [resultados completos]:
1º Victor Ocampo (Bairrada) 7:31:43
2º Pedro Lopes (Alcobaça CC/Crédito Agrícola) +18s
3º Afonso Silva (Sporting-Tavira/Formação Eng. Brito da Mana) +31s
4º Guilherme Mota (Alcobaça CC/Crédito Agrícola) +50s
5º António Ferreira (Moreira Congelados/Feira/Bicicletas Andrade) +1:25s
6º Pedro Lopes (Seissa/KTM-Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) +1:30s
7º Pedro Teixeira (Maia) +1:39s
8º João Carneiro (RP-Boavista) +1:52s
9º Artur Chaves (Silva & Vinha/Adrap/Sentir Penafiel) +2:04s
10º Daniel Ramos (Bairrada) +2:40s

Palmarés Volta a Portugal de Juniores:
2017 Victor Ocampo (Bairrada)
2016 João Almeida (Bairrada)
2015 Marcelo Salvador (Mato-Cheirinhos-Liberty Seguros-Vila Galé)
2014 André Crispim (CC José Maria Nicolau)
2013 Pedro Seabra (Silva & Vinha/Adrap/Sentir Penafiel)
2012 Javier García (CC Spol/Nova Caixa Galicia)
2011 Ángel Sánchez (CC Spol)
2010 João Leal (Alcobaça CC/Crédito Agrícola)
2009 Rafael Reis (Alcobaça CC/Crédito Agrícola)
2008 Amaro Antunes (Alcobaça CC/Crédito Agrícola)
2007 Pablo Lechuga (Selecção Andaluzia)
2006 Nelson Oliveira (Dulcetextil/Trevomar/EC Fernando Carvalho)

Sem comentários:

Enviar um comentário