Samuel Caldeira declarado vencedor da Taça de Portugal

A Federação Portuguesa de Ciclismo declarou Samuel Caldeira (W52-FC Porto) como vencedor da Taça de Portugal Elite e Xuban Errazkin (RP-Boavista) vencedor do troféu em Sub-23.

A Taça de Portugal Elite/Sub-23 foi composta por três competições: Volta à Bairrada, Grande Prémio Mortágua e Grande Prémio do Dão. Esta última prova realizou-se a 13 e 14 de Maio, sendo a segunda etapa anulada, em consequência de problemas de segurança decorrentes da transição da responsabilidade de policiamento da GNR para a PSP, deixando as contas finais da Taça em suspenso.

A Federação Portuguesa de Ciclismo tomou uma decisão sobre a Taça no final do mês de Maio, que passamos a publicar em seguida:

A Direcção da Federação Portuguesa de Ciclismo, reunida em 30 de Maio de 2017, analisou as circunstâncias em que terminou o Grande Prémio do Dão.

O Relatório do Presidente do Colégio de Comissários reconhece que aconteceram situações de insegurança na área urbana de Viseu, depois da transição da responsabilidade de policiamento da GNR para a PSP, e também provocadas pela deficiente sinalização. O organizador da corrida, a Associação de Ciclismo de Viseu, reconhece as falhas de sinalização, identificando como causa das mesmas o serviço mal prestado pela empresa contratada para colocar as placas de indicação do percurso.

O Relatório do Presidente do Colégio de Comissários entende que estavam reunidas as condições de segurança no momento em que a prova foi reiniciada. Nesse sentido, entendeu penalizar os corredores que impediram que a prova se desenrolasse com normalidade, aplicando a cada um a pena de expulsão da corrida e uma multa de 100 francos suíços. O Colégio de Comissários considerou nula a segunda etapa da competição, devendo a classificação geral final ter em conta apenas os resultados da primeira etapa, expurgando dos mesmos os ciclistas aos quais foi aplicada a expulsão da corrida.

No seguimento das decisões do Colégio de Comissários, depois de refeitas as classificações com base nos resultados da primeira etapa, expurgando da listagem os ciclistas expulsos da competição, é declarado vencedor do Grande Prémio do Dão o ciclista Óscar González, da equipa Sporting-Tavira.

A Direcção da Federação Portuguesa de Ciclismo decidiu que, como previsto, a edição de 2017 da Taça de Portugal de Elite e Sub-23 terminou com o Grande Prémio do Dão. Tendo em conta os resultados desta corrida, são declarados vencedores individuais o elite Samuel Caldeira (W52-FC Porto) e o sub-23 Xuban Errazkin (RP-Boavista). Colectivamente, vencem a equipa continental W52-FC Porto e a equipa de clube Liberty Seguros-Carglass.

A Federação Portuguesa de Ciclismo enviou um ofício à Secretaria de Estado da Administração Interna, lamentando os factos ocorridos e solicitando uma tomada de posição para garantir que o acompanhamento dos eventos desportivos de ciclismo seja assegurado por uma única força de segurança, desde a partida até à chegada, incluindo todas as etapas das provas por etapas.

Com esta resolução, Samuel Caldeira (W52-FC Porto) venceu a Taça com 166 pontos, seguido de António Angulo (LA Alumínios-Metalusa-BlackJack) com 155 e Daniel Mestre (Efapel) com 132 pontos. Xuban Errazkin (RP-Boavista) foi 4º na Taça Elite e venceu o troféu em Sub-23 com 184 pontos, seguido de David Ribeiro (Liberty Seguros-Carglass) com 174 e Venceslau Fernandes (Liberty Seguros-Carglass) com 165 pontos.

No colectivo, a W52-FC Porto venceu com 58 pontos, seguida da equipa Sporting-Tavira com 51 e da Liberty Seguros-Carglass com 46 pontos. Entre as equipas de clube, a Liberty Seguros-Carglass venceu com 83 pontos, seguida da Miranda-Mortágua com 61 pontos e Sicasal-Constantinos-Deleta Cafés com 42 pontos.

Quanto ao Grande Prémio do Dão, a classificação geral ficou assim determinada:
1º Oscar González (Esp) Sporting-Tavira 0:26:48
2º Fábio Silvestre (Por) Sporting-Tavira +30s
3º Samuel Caldeira (Por) W52-FC Porto +42s
4º Patrick Videira (Por) Maia +53s
5º André Crispim (Por) Liberty Seguros-Carglass +58s
6º Rafael Silva (Por) Efapel +1:00s
7º José Neves (Por) Liberty Seguros/Carglass +1:21s
8º João Matias (Por) LA Alumínios-Metalusa-BlackJack +1:26s
9º Iúri Leitão (Por) Miranda-Mortágua +1:26s
10º João Rocha (Por) Maia +1:30s
Juventude:
1º André Crispim (Por) Liberty Seguros-Carglass
2º José Neves (Por) Liberty Seguros/Carglass
3º Iúri Leitão (Por) Miranda-Mortágua
Atleta Equipa de Clube:
1º Patrick Videira (Por) Maia
Equipas:
1ª Sporting-Tavira
Equipas de Clube:
1ª Liberty Seguros-Carglass

Resultados completos GP do Dão, aqui.
Ranking completo Taça de Portugal Elite/Sub-23, aqui.

Samuel Caldeira no GP Mortágua (© Helena Dias)

Sem comentários:

Enviar um comentário