Froome agarra 1ª vitória do ano no Herald Sun Tour

A temporada começou risonha para o britânico Christopher Froome (Team Sky). Em solo australiano alcançou a primeira vitória do ano, triunfando na última etapa do Herald Sun Tour (2.1) e levando consigo a vitória da geral.

“É uma sensação incrível. Trabalhei duro este inverno, o que obviamente não foi fácil com o começo de uma nova família e tudo o que tinha em casa. Um enorme obrigado à minha família por me dar o apoio que necessito para fazer este trabalho. Também um enorme obrigado à equipa. Eles deram-me carta-branca para hoje, na segunda subida a Arthurs Seat. Houve um pequeno ataque, eu fui em busca dos pontos da montanha e fiquei na roda do corredor da Avanti que tinha atacado. Atrás, os companheiros disseram-me, «estás no lugar perfeito para vencer a etapa, vai Froomey»”, palavras de Froome no final da jornada. Acrescentou ainda sobre o companheiro Peter Kennaugh, que detinha a liderança da geral: “Ele é um corredor incrível. Começou a temporada muito bem, ganhando a corrida do Cadel [Cadel Evans Great Ocean Road Race]. Teve um bom dia hoje, mas também ele me deu carta-branca. Um enorme obrigado ao Pete por fazer isso.”

Christopher Froome conquista Herald Sun Tour
(foto www.teamsky.com)

A prova australiana fez-se de um prólogo e quatro etapas. No dia inaugural do Herald Sun Tour, a sorte sorriu a William Clarke (Drapac) no curto contra-relógio de 2,1 km em Melbourne. O corredor australiano alcançou a vitória com um tempo de 2m34s, batendo por 1s a estrela deste início de temporada Caleb Ewan (Orica-GreenEdge), fechando o pódio da jornada Neil Van Der Ploeg (Avanti IsoWhey Sport) a 2s.

Na primeira etapa, o triunfo ficou nos pedais de Peter Kennaugh (Team Sky). No final dos 126 km, com partida e chegada a Healesville, o campeão britânico chegou à meta juntamente com o companheiro Froome, ambos a 17s do grupo perseguidor. Kennaugh cruzou a linha em primeiro, subindo à liderança da geral.

A segunda etapa viu triunfar Caleb Ewan (Orica-GreenEdge) no final dos 144 km que ligaram Yarra Glen a Moe. ‘Pocket Rocket’ não deixou a vitória escapar frente a Tanner Putt (UnitedHealthcare), seguindo-se na meta a 3s Kennaugh e a 5s Froome. Os dois britânicos partiram para a terceira etapa dispostos a defender a liderança de Kennaugh. A Team Sky manteve-se atenta ao longo dos 146,2 km que uniram Traralgon a Inverloch e mesmo longe da batalha pelo sprint final, ambos terminaram no pelotão que disputou a jornada. A vitória a alta velocidade foi conquistada pelo norte-americano John Murphy (UnitedHealthcare) sobre Niccolo Bonifazio (Trek-Segafredo) e Steele Von Hoff (One Pro Cycling).

Guardada para a quarta e última etapa, a única chegada em alto mostrou-se crucial na conquista do primeiro lugar ao sol. Os 122 km de percurso contaram com três ascensões a Arthurs Seat, a última das quais a marcar a linha de meta. A montanha de 1ª categoria foi decisiva para Froome, que atacou no início da derradeira subida para levar consigo a vitória da etapa e da geral. Na perseguição, os australianos Damien Howson (Orica-GreenEdge) e Jonathan Clarke (UnitedHealthcare) cruzaram em seguida a linha a 17s e 21s. Kennaugh chegou em 7º a 32s, caindo para 2º da geral, fechando Howson o pódio final.

A Team Sky levou para casa a geral por equipas e com Christopher Froome a geral individual e a montanha. Chris Hamilton (Australia) ganhou a juventude terminando em 8º da geral.
 
Froome triunfa em Arthurs Seat
(foto www.teamsky.com)
Peter Kennaugh termina em 7º no alto de Arthurs Seat
(foto www.teamsky.com)
Pódio Herald Sun Tour: 1ºFroome, 2ºKennaugh, 3ºHowson
(foto www.teamsky.com)

CG Final
1 Christopher Froome (GBr) Team Sky 12:53:00
2 Peter Kennaugh (GBr) Team Sky +29”
3 Damien Howson (Aus) Orica-GreenEdge +1:01”
4 Jack Bobridge (Aus) Trek-Segafredo +1:04”
5 Jack Haig (Aus) Orica-GreenEdge +1:14”
6 Jonathan Clarke (Aus) UnitedHealthcare +1:15”
7 Robbie Hucker (Aus) Avanti IsoWhey Sport +1:20”
8 Chris Hamilton (Aus) Australia +1:23”
9 Anthony Giacoppo (Aus) Avanti IsoWhey Sport +1:32”
10 Dion Smith (Aus) One Pro Cycling +1:32”
Resultados completos aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário