Nuno Bico ao lado de Nelson Oliveira na Movistar Team

O jovem luso Nuno Bico (03/07/1994) foi hoje anunciado como ciclista em 2017 da grandiosa esquadra espanhola Movistar Team, equipa vencedora do Ranking UCI WorldTour nos últimos quatro anos e onde irá correr ao lado do campeão nacional de contra-relógio Nelson Oliveira.

Brian Cookson: “O ciclismo está a crescer e continuará em 2017”

As retrospectivas fazem parte de todos os finais de ano e o Presidente da UCI Brian Cookson deu estes dias a sua visão sobre o ciclismo em 2016, numa entrevista alargada publicada no site da União Ciclista Internacional. Entre os temas abordados, referiu os momentos altos, os desafios, o trabalho da UCI e o que podemos esperar em 2017.

Gémeos Oliveira ascendem à Axeon Hagens Berman

Com apenas 20 anos de idade, Ivo Oliveira e Rui Oliveira há muito que não passam despercebidos no mundo do ciclismo. Vistos como dois dos mais promissores jovens ciclistas portugueses, os gémeos Oliveira despedem-se do pelotão nacional em 2017 para integrar a equipa norte-americana Axeon Hagens Berman, o projecto sub-23 mais conceituado a nível mundial comandado por Axel Merckx e no qual esteve nos últimos dois anos o actual campeão nacional sub-23 Rúben Guerreiro [em 2017 na Trek-Segafredo].

BORA-hansgrohe de José Mendes com ambição no WorldTour

O campeão nacional português José Mendes prepara-se para a sua primeira temporada no WorldTour com as cores da equipa alemã BORA-hansgrohe, que no ano de 2017 sobe ao mais alto escalão do ciclismo internacional.

Primeira concentração da Rádio Popular-Boavista

A equipa continental portuguesa Rádio Popular-Boavista realizou no passado fim-de-semana a primeira concentração rumo a 2017. O Paredes Design Hotel foi o local eleito para três dias de trabalho e integração dos novos elementos.

João Almeida na concentração da Team Unieuro

Nos primeiros dias do mês de Dezembro realizou-se a primeira concentração da esquadra continental italiana Team Unieuro, representada em 2017 pelo português João Almeida de 18 anos (05/08/1998).

Portugueses brilham no Troféu Internacional de Pista Litério Marques

Ao longo de três dias, o Velódromo Nacional de Sangalhos, em Anadia, recebeu o Troféu Internacional Litério Marques. Entre os pistards presentes, destacaram-se as performances dos portugueses Ivo Oliveira, João Matias, João Dinis, Soraia Silva e Maria Martins, tendo Portugal fechado a competição com 8 medalhas, sendo 4 nas provas elite e sub-23.

Taça Portugal CX: Mário Costa e Joana Monteiro triunfam em Palmela

A dupla Mário Costa e Joana Monteiro (ASC-Focus Team-Vila do Conde) venceram este domingo em elites a terceira prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse. A variante de inverno do ciclismo levou até Palmela um total de 115 atletas entre as diversas categorias e contou com a presença na cerimónia de pódio do vencedor do Ranking APCP Ciclista do Ano 2016 Rafael Reis (W52-FC Porto), que na próxima temporada vestirá as cores da equipa Profissional Continental Caja Rural-Seguros RGA.

Mário Costa e Ana Rita Vigário campeões regionais de CX

Mário Costa (ASC/Focus Team-Vila do Conde) e Ana Rita Vigário (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão) sagraram-se em elite campeões regionais de ciclocrosse pela Associação de Ciclismo do Porto.

Formação e futuro do ciclismo em Portugal, análise à realidade nacional

A formação e o futuro do ciclismo em Portugal são dois temas que se mantêm na linha da frente das preocupações da modalidade no país. Nos anos mais recentes, os jovens têm captado a atenção internacional para a qualidade dos atletas nacionais, conseguindo dar o desejado salto para o pelotão além-fronteiras. Já os profissionais com mais anos de carreira têm dotado as suas performances de um maior nível competitivo, levando a um acréscimo da qualidade do pelotão nacional.

Machado, Gonçalves e Azevedo na Katusha Alpecin em 2017

Tiago Machado, José Gonçalves e José Azevedo são os três portugueses integrantes da equipa WorldTour Katusha Alpecin. Agora sediada na Suíça e com o novo patrocínio da marca de champôs Alpecin, a equipa apresentou-se à comunicação social em Benidorm, Espanha, no decorrer da concentração de duas semanas realizada perto de Calpe.

Vítor Santos e Joana Monteiro vencem 2ªprova Taça de Portugal CX

O campeão nacional Vítor Santos (Quinta das Arcas-Jetclass-Xarão) e a vice-campeã Joana Monteiro (ASC-Focus Team-Vila do Conde) venceram este domingo em elite a segunda prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse. Entre as diversas categorias estiveram presentes 120 atletas.

Calendário Português de Estrada 2017

A Federação Portuguesa de Ciclismo deu a conhecer o Calendário de Estrada para a próxima temporada, publicado no Plano de Actividades e Orçamento 2017.

Rafael Reis na 1ª concentração da Caja Rural-Seguros RGA

O português Rafael Reis esteve presente na primeira concentração da equipa espanhola Caja Rural-Seguros RGA. Os três dias passados no Hotel Bed4U, de Tudela, serviram para um primeiro contacto do grupo que fará parte da oitava temporada da equipa navarra no pelotão profissional.

Viagem fotográfica à temporada lusa de ciclismo

Foi uma longa viagem efectuada pelo Cycling & Thoughts na temporada 2016. Desde estágios de equipas de clube, corridas dos sub-23 e dos profissionais, neste blog acompanhámos mais um ano do pelotão luso em diversas provas do calendário nacional.

Mário Costa e Joana Monteiro vencem 1ªprova Taça de Portugal CX

A prova de abertura da Taça de Portugal de Ciclocrosse foi ganha pelos vice-campeões nacionais Mário Costa e Joana Monteiro, elites da equipa ASC-Focus Team-Vila do Conde. Estiveram presentes na manhã deste domingo um total de 133 atletas das diversas categorias.

Ciclistas Lusos nos Rankings UCI World e WorldTour 2016

A cada temporada, Portugal consegue figurar nos Rankings UCI com um número importante de ciclistas. Este facto torna-se relevante na medida em que os rankings, nacionais e internacionais, ajudam a medir o pulso ao conjunto de performances dos atletas no decorrer de cada ano competitivo.

Retrospectiva 2016: Maia e ACDC Trofa

O blog Cycling & Thoughts dá por finalizada a série de artigos contemplando a temporada 2016 das esquadras portuguesas passando em retrospectiva o ano das equipas de clube sub-23 Maia e ACDC Trofa.

Retrospectiva 2016: Anicolor

Os jovens da esquadra Anicolor fecharam a temporada no 9º lugar do Ranking APCP Equipa do Ano 2016, sendo a terceira equipa de clube da tabela nacional. Sob a direcção desportiva de Pedro Silva, o grupo obteve pódios nos Campeonatos Nacionais de fundo e de contra-relógio, sendo galardoado com o Prémio de Mérito Desportivo na 3ª edição da Gala do Desporto de Mortágua.

Vencedores 2ªprova Open Sentir Penafiel CX

A segunda prova do Open Sentir Penafiel em Ciclocrosse celebrou-se em Capela. As corridas elite/sub-23 foram ganhas por Vítor Santos (Quinta das Arcas-Jetclass-Xarão) e Joana Monteiro (ASC-Focus Team-Vila do Conde). A dupla Roberto Ferreira e Ana Rita Vigário (Quinta das Arcas-Jetclass-Xarão) manteve a liderança do troféu.

Retrospectiva 2016: Sicasal-Constantinos-Udo

O segundo ano de vida da Sicasal-Constantinos-Udo culminou com um 8º lugar no Ranking APCP Equipa do Ano 2016, sendo a segunda equipa de clube da tabela nacional.

Retrospectiva 2016: Liberty Seguros-Carglass

A equipa sub-23 Liberty Seguros-Carglass, do Bike Clube de Portugal, cumpriu o segundo ano na estrada sob a direcção desportiva do experiente Manuel Correia. O ano 2016 teve um balanço extremamente positivo, fechando o grupo no 7º lugar do Ranking APCP Equipa do Ano, sendo a primeira equipa de clube da tabela nacional. No Ranking APCP Ciclista do Ano, Ivo Oliveira obteve o título de melhor sub-23 da temporada.

Vencedores 1ªprova Open Sentir Penafiel CX

Santiago recebeu a primeira prova da segunda edição do Open Sentir Penafiel em Ciclocrosse. A equipa Quinta das Arcas-Jetclass-Xarão venceu a corrida de Elites/Sub-23 com Roberto Ferreira e Ana Rita Vigário.

Reconhecimento a Jose Manuel Gutiérrez

O ciclista espanhol Jose Manuel Gutiérrez recebeu o Troféu Reconhecimento pela boa temporada realizada em 2016, na 4ª edição da Gala Pedaleo “Valores e Reconhecimentos”, a qual distingue anualmente as personalidades que marcaram a época desportiva, tendo já premiado em 2013 como Clube do Ano o nosso Sport Ciclismo S. João de Ver.

Retrospectiva 2016: Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade

A equipa de clube Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade completou a segunda temporada dirigida por Joaquim Andrade. Desde 1995 a formar jovens corredores em todos os escalões de formação, o Sport Ciclismo S. João de Ver teve em 2016 um ano de grande evolução dos seus jovens pupilos do escalão de sub-23.

Época memorável de Ricardo Gomes em S. João de Ver

Em 21 anos de existência, o Sport Ciclismo S. João de Ver abriu as portas ao Paraciclismo na temporada de 2016. Ricardo Gomes, de 32 anos, foi o representante da equipa Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade em Paraciclismo D (surdez), pontuando de sucesso o ano de estreia do clube nesta categoria.

Balanço positivo da Selecção no Europeu de Pista

A Selecção Nacional Liberty Seguros esteve presente no Campeonato da Europa de Pista em Saint-Quentin-en-Yvelines, França, entre os dias 19 e 23 de Outubro. Embora não chegando às medalhas, o quarteto composto por Ivo Oliveira (Liberty Seguros-Carglass), João Matias (Supermercados Froiz), António Barbio e Rafael Silva (Efapel) teve um desempenho bastante positivo nas várias disciplinas, neste que foi um Europeu de elevado nível competitivo.

Retrospectiva 2016: Rádio Popular-Boavista

TEMPORADA MODESTA

O blog Cycling & Thoughts fecha a série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas abordando o ano da Rádio Popular-Boavista, protagonista de uma temporada modesta em vitórias, mas de resultados relevantes que a levaram a finalizar em 6º lugar o Ranking APCP Equipa do Ano.

Retrospectiva 2016: LA Alumínios-Antarte

TEMPORADA MODESTA

A LA Alumínios-Antarte é a esquadra que se segue na série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas. No ano em que a estrutura se despediu das estradas, as vitórias foram parcas para o grupo que terminou no 5º lugar do Ranking APCP Equipa do Ano.

Retrospectiva 2016: Sporting CP-Tavira

TEMPORADA POSITIVA

O blog Cycling & Thoughts prossegue a série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas abordando o ano da esquadra Sporting CP-Tavira, que foi pontuado de resultados relevantes.

Retrospectiva 2016: Louletano-Hospital de Loulé

TEMPORADA POSITIVA

No seguimento da série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas, abordamos a esquadra Louletano-Hospital de Loulé, que fechou o Ranking APCP Equipa do Ano no 3º lugar.

Retrospectiva 2016: Efapel

MÁXIMA RIVAL

Na série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas, abordamos o ano da Efapel. A esquadra dirigida por Américo Silva destacou-se como a máxima rival da poderosa W52-FC Porto.

Retrospectiva 2016: W52-FC Porto

MÁXIMA GANHADORA

O blog Cycling & Thoughts começa hoje uma série de artigos contemplando uma retrospectiva da temporada 2016 das equipas continentais portuguesas. O pelotão nacional mostrou uma elevada qualidade no decorrer das competições dentro e fora do país, revelando o forte crescendo de valores individuais que cada equipa encerra em si, despertando a atenção cada vez maior dos olhares internacionais.

Rafael Reis vence Ranking APCP Ciclista do Ano 2016

Rafael Reis (W52-FC Porto) é o grande vencedor do Ranking APCP Ciclista do Ano 2016, totalizando 732 pontos. Com a mesma pontuação, Joni Brandão (Efapel) terminou no 2º lugar por deter um menor número de vitórias, primeiro critério de desempate. Gustavo Veloso (W52-FC Porto) fechou a temporada no 3º lugar com 726 pontos.

Amaro Antunes: “Nem sempre é possível ganhar, mas estive sempre na discussão das provas”

Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) iniciou o ano com um brilhante 10º lugar na Volta ao Algarve. Entre os ‘tubarões’ do WorldTour, deixou bem clara a razão pela qual o apelidamos de pérola do pelotão nacional. Dono de um brilhante arranque de temporada, abriu o Ranking APCP 2016 na liderança da tabela Ciclista do Ano no mês de Fevereiro.

Retrato de Venceslau Fernandes: “Gostava de ser o segundo Venceslau Fernandes a vencer a Volta a Portugal”

Tem apenas 20 anos, mas leva consigo um nome carregado de simbolismo. Filho de Venceslau Fernandes, vencedor da Volta a Portugal de 1984, o jovem Venceslau Fernandes [24/01/1996] sagrou-se este ano rei trepador da duríssima Clásica de Pascua, em Espanha. Esta importante camisola marcou um dos muitos momentos de uma temporada brilhante na sua evolução enquanto ciclista, neste que foi o segundo ano vivido no seio da equipa Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade.

Retrato de João Letras: “O meu objectivo é dedicar-me a 100% ao ciclismo”

João Letras [31/08/1991] completou o segundo ano com as cores da equipa sediada na terra do saudoso Joaquim Agostinho, a Sicasal-Constantinos-Udo de Torres Vedras. Contudo, este jovem corredor de 25 anos chegou do sul do país, mais precisamente de Cuba, no doce Alentejo, terra natal onde se apaixonou desde muito cedo pelo ciclismo.

Tiago Antunes conquista GP Gondomar

Tiago Antunes alcançou para a Sicasal-Constantinos-Udo a primeira grande vitória da temporada, conquistando o Grande Prémio de Gondomar, após a vitória do contra-relógio. Gonçalo Carvalho (Anicolor) triunfou na etapa em linha e finalizou em 3º da geral, precedido pelo companheiro Jorge Magalhães.

Fábio Mansilhas conquista Volta dos Campeões

Fábio Mansilhas (Anicolor) sagrou-se no grande vencedor da Volta dos Campeões, alcançando o feito de cruzar em primeiro a linha de meta das duas etapas em jogo. Tiago Antunes (Sicasal-Constantinos-Udo) e Hugo Nunes (Anicolor) completaram o pódio da geral.

Paulo Silva em entrevista: concretizar um sonho ou voltar para onde já foi feliz

Acompanhamos o percurso de Paulo Silva [14/05/1995] há alguns anos, testemunhando o seu crescimento e valorização enquanto ciclista em formação. Nos anos transactos, destacou-se em 2014 no 2º lugar da Taça de Portugal Sub-20, repetindo esse resultado em 2015 na Taça de Sub-23. Em 2016, o jovem corredor estreou-se pela equipa Anicolor e manteve a regularidade que lhe é característica, embora não tenha terminado no pódio da Taça de Sub-23, finalizando em 7º da geral.

César Fonte: “Não passa pelos meus objectivos manter o vínculo profissional que tenho actualmente”

César Fonte [10/12/1986] completou a terceira temporada ao serviço da equipa Rádio Popular-Boavista. Também pelo terceiro ano consecutivo conquistou um lugar no pódio da Taça de Portugal, tendo sempre alcançado no decorrer destes três anos vitórias nas provas pontuáveis. Em 2016, venceu a última prova do Grande Prémio Anicolor, terminando em 3º no ranking final da Taça.

Ranking Ciclista do Ano ao rubro com Rafael Reis na liderança

As competições de Agosto colocaram ao rubro o Ranking APCP Ciclista do Ano. Pelo quinto mês consecutivo, Rafael Reis (W52-FC Porto) mantém a liderança totalizando 732 pontos, os mesmos do 2º classificado Joni Brandão (Efapel). Pelo critério de desempate, Rafael Reis permanece no comando por contabilizar um maior número de vitórias ao longo da temporada. Ao 3º lugar ascende o galego Gustavo Veloso (W52-FC Porto) com 726 pontos.

Rui Vinhas vence Circuito Ribeiro da Silva

A melhor forma de homenagear um vencedor da Volta a Portugal é vencendo uma corrida em seu tributo. Foi isso que Rui Vinhas (W52-FC Porto) fez este domingo. O mais recente vencedor da Volta conquistou o Circuito Ribeiro da Silva, ciclista vencedor da Volta de 1955 e 1957.

Joni Brandão: “Não tive medo de ir à luta do que queria”

Esta era a Volta a Portugal do tudo ou nada para Joni Brandão. Depois do 2º lugar alcançado em 2015, o líder da Efapel partiu para a 78ª edição da prova rainha lusa com um objectivo: vencer a camisola amarela. Qualquer outro lugar no pódio ou na classificação geral seria mera consequência da luta que travou pelo 1º lugar e não conseguiu agarrar. Finalizar a Volta de 2016 em 5º da geral foi o epílogo possível de ser escrito, após os inúmeros ataques à amarela de Rui Vinhas (W52-FC Porto), a quem nunca conseguiu destronar por mais que desafiasse a sua liderança.

Rui Vinhas: “Sofri muito, mas consegui a vitória”

Rui Vinhas embarcou na viagem da W52-FC Porto em busca da rainha de Gustavo Veloso. Um oceano de emoções, numa extensão de 1607,3 km, foi o que ambos navegaram ao longo de doze intensos dias. Um misto de emoções rodeou a equipa mais forte do pelotão português, líder do Ranking nacional APCP, que entrou na Volta a Portugal para conquistar o terceiro triunfo consecutivo de Veloso e saiu com a primeira e histórica vitória de Vinhas.

César Martingil conquista Circuito da Moita

César Martingil (Liberty Seguros-Carglass) conquistou ao sprint o Circuito da Moita. O companheiro de equipa Ivo Oliveira e o ciclista profissional Rafael Silva (Efapel) completaram o pódio na Marinha Grande.

Gustavo Veloso arrasa na Malveira, recorda Volta a Portugal e fala do futuro

Gustavo Veloso (W52-FC Porto) derramou classe no asfalto lusitano. Em dois dias dos tradicionais circuitos, o galego e vencedor da Volta a Portugal de 2014 e 2015 comandou as corridas a um ritmo avassalador, sendo poucos os que conseguiram manter a pedalada no pelotão. Ontem a vitória fugiu em Alcobaça, mas hoje imperou em solitário na meta do Circuito da Malveira, em Mafra.

Vitória de Rafael Silva em Alcobaça com dedicatória especial

Rafael Silva (Efapel) brilhou em Alcobaça com um sprint vitorioso no Circuito de S. Bernardo, superando na linha de meta Bruno Sancho (Anicolor) e João Letras (Sicasal-Constantinos-Udo).

Quinteto luso no pelotão da Vuelta a España

A vizinha Espanha conta em 2016 com uma mão recheada de talento lusitano no pelotão da Vuelta. José Gonçalves, José Mendes, Mário Costa, Sérgio Paulinho e Tiago Machado disputam entre os dias 20 de Agosto e 11 de Setembro a 71ª edição da corrida com mais salero do calendário internacional.

João Benta vence Circuito do Bombarral

João Benta (Louletano-Hospital de Loulé) venceu esta segunda-feira o Circuito do Bombarral, superando na linha de meta o experiente italiano Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira) e o jovem luso César Martingil (Liberty Seguros-Carglass).

César Fonte vence GP Anicolor, Juan Ignacio Perez conquista Taça de Portugal

César Fonte (Rádio Popular-Boavista) venceu em Águeda o Grande Prémio Anicolor, superando ao sprint Bruno Sancho (Anicolor) e Daniel López (Burgos BH). Juan Ignacio Perez (W52-FC Porto) foi 7º na meta e conquistou a Taça de Portugal Elites para a equipa vencedora da Volta a Portugal.

Hugo Sancho vence GP Mortágua

Hugo Sancho (LA Alumínios-Antarte) venceu em solitário a 16ª edição do Grande Prémio Mortágua, quarta prova da Taça de Portugal Elites. Completaram o pódio da jornada Ricardo Vale Ferreira (Rádio Popular-Boavista) e Luís Mendonça (Sicasal-Constantinos-Udo). Joaquim Silva (W52-FC Porto) subiu à liderança da Taça.

Audiências Volta a Portugal 2016

A 78ª Volta a Portugal Santander Totta realizou-se entre os dias 27 de Julho e 7 de Agosto. A prova rainha do calendário nacional teve transmissão diária televisiva na estação pública de televisão RTP, com directos a partir das 16h no canal RTP1.

Et10 Volta a Portugal: Rui Vinhas, de gregário a conquistador da Volta

De gregário a líder da 78ª Volta a Portugal Santander Totta, aos 29 anos Rui Vinhas (W52-FC Porto) demonstrou que a qualidade inerente a muitos ciclistas de trabalho, os chamados gregários, pode levar a belas surpresas como a conquista da prova rainha do calendário nacional. Todos sonham com a amarela, Rui Vinhas conquistou-a contra todos os favoritismos e probabilidades, completando o pódio da geral o companheiro e bi-campeão da Volta Gustavo Veloso e Daniel Silva (Rádio Popular-Boavista).

Et9 Volta a Portugal: Bis de Daniel Mestre a um dia de Rui Vinhas poder vencer a amarela

Daniel Mestre abriu e fechou as etapas em linha com duas vitórias para a Efapel. O corredor alentejano de 30 anos sprintou para a vitória em Setúbal, após o dia todo em fuga. Alejandro Marque (LA Alumínios-Antarte) e Alessio Taliani (Androni Giocattoli-Sidermec) fecharam o pódio da jornada. Rui Vinhas (W52-FC Porto) manteve a camisola amarela e o sonho de vencer amanhã a 78ª Volta a Portugal Santander Totta.

Et8 Volta a Portugal: Ezquerra dá 1ª vitória a Sporting-Tavira em dia de corrida neutralizada

O espanhol Jesus Ezquerra deu à equipa Sporting CP-Tavira a primeira vitória na 78ª Volta a Portugal Santander Totta. Samuel Caldeira (W52-FC Porto) e Nathan Earle (Drapac) completaram o pódio da jornada mais longa, que esteve interrompida devido ao pelotão enganar-se no percurso. Rui Vinhas (W52-FC Porto) manteve-se consistente na defesa da camisola amarela.

Et7 Volta a Portugal: José Gonçalves triunfa em Castelo Branco, Rui Vinhas mantém amarela

José Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA) assegurou vitória lusa na chegada a Castelo Branco, superando ao sprint Samuel Caldeira (W52-FC Porto) e Francesco Gavazzi (Androni Giocattoli-Sidermec). Rui Vinhas (W52-FC Porto) manteve com tranquilidade a liderança da 78ª Volta a Portugal Santander Totta.

Et6 Volta a Portugal: bis de Veloso e amarela de Vinhas em dia de ataque de Brandão

Gustavo Veloso (W52-FC Porto) conquistou a etapa rainha da 78ª Volta a Portugal Santander Totta e o companheiro Rui Vinhas manteve a camisola amarela em dia da impiedosa Torre. Mas o herói e mais combativo do dia foi o rival Joni Brandão (Efapel), protagonista de um ataque em solitário a 86 km para a meta, somente alcançado nos 2 km finais.

Ciclismo luso nos Jogos Olímpicos do Rio

O ciclismo português de estrada vai estar representado nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro por André Cardoso (Cannondale-Drapac), o campeão nacional de fundo José Mendes (Bora-Argon18), o campeão nacional de contra-relógio Nelson Oliveira (Movistar Team) e o campeão do mundo de 2013 Rui Costa (Lampre-Merida). Na vertente de BTT, a representação das cores lusitanas vai estar a cargo do campeão nacional de XCO David Rosa e do campeão do mundo de maratonas XCM Tiago FerreiraEm paraciclismo, Luís Costa (Sporting CP-Tavira) e Telmo Pinão (Bairrada) são os rostos em competição, ambos campeões nacionais de fundo e contra-relógio nas suas classes.

Et5 Volta a Portugal: Vicente de Mateos triunfa em Viseu, Vinhas mantém amarela

Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé) conseguiu hoje em Viseu a vitória muito procurada desde o início da 78ª Volta a Portugal Santander Totta. Na Avenida Europa, o espanhol de 27 anos superou ao sprint o italiano Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira) e o aniversariante do dia, o italiano Francesco Gavazzi (Androni Giocattoli-Sidermec). Rui Vinhas (W52-FC Porto) manteve a camisola amarela.

Et4 Volta a Portugal: Veloso Senhor da Graça, Vinhas na liderança

Num final de etapa mítica entre ataques e contra-ataques, o galego e bi-campeão da Volta a Portugal Gustavo Veloso (W52-FC Porto) conquistou o alto da Sra. da Graça, cruzando a meta em 5º o companheiro e camisola amarela Rui Vinhas. Completaram o pódio da jornada os lusos Daniel Silva (Rádio Popular-Boavista) e Joni Brandão (Efapel).

Et3 Volta a Portugal: Rui Vinhas foge para a amarela, Clarke vence etapa

Num dia de desfecho surpreendente, o luso de 29 anos Rui Vinhas (W52-FC Porto) fez parte da fuga que o levou a assumir a liderança da camisola amarela com a larga vantagem de mais de 3 minutos. Na linha de meta, a vitória desta terceira etapa da Volta a Portugal Santander Totta sorriu ao australiano William Clarke (Drapac), completando o pódio o italiano Marco Frapporti (Androni Giocattoli-Sidermec) e o francês Benjamim Thomas (Armée de Terre).

Et2 Volta a Portugal: Gavazzi vence etapa de sterrato, Mestre segue de amarela

O italiano de 31 anos Francesco Gavazzi (Androni Giocattoli-Sidermec) venceu a sua terceira etapa na história da Volta, superando ao sprint José Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA) e Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé). Daniel Mestre (Efapel) defendeu a liderança da camisola amarela da 78ª Volta a Portugal Santander Totta.

Et1 Volta a Portugal: triunfo e liderança de Daniel Mestre

Nunca é tarde para conseguir uma grande vitória na carreira. Daniel Mestre (Efapel) acaba de o provar aos 30 anos de idade com a conquista da sua primeira etapa na Volta a Portugal, que o levou a assumir a liderança da camisola amarela da 78ª edição. O italiano Davide Vigano (Androni Giocattoli-Sidermec) e o luso José Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA) completaram o pódio da jornada.

Prólogo Volta a Portugal: Rafael Reis veste primeira amarela

Protagonista de um exímio esforço individual, o jovem de 24 anos Rafael Reis (W52-FC Porto) venceu o prólogo da Volta a Portugal Santander Totta, vestindo a primeira amarela da 78ª edição. Num pódio totalmente luso, Joni Brandão (Efapel) e José Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA) alcançaram o segundo e terceiro melhor tempo da jornada inaugural.

Contenders Volta a Portugal 2016

A Volta a Portugal Santander Totta faz-se à estrada de 27 de Julho a 7 de Agosto, trazendo na 78ª edição algumas novidades que prometem apimentar a luta pela classificação geral. Do prólogo em Oliveira de Azeméis ao epílogo em Lisboa, o pelotão de 18 equipas percorrerá 1618,7 km, no final dos quais se descobrirá se Gustavo Veloso (W52-FC Porto) celebra o terceiro título consecutivo de vencedor da Grandíssima.

TDF2016: Rui Costa e Nelson Oliveira brilham no Tour

Portugal esteve perto de conquistar para a história do ciclismo nacional mais uma etapa no Tour de France. Rui Costa (Lampre-Merida) e Nelson Oliveira (Movistar Team) ombrearam com os melhores ciclistas do WorldTour pela glória de alcançar uma vitória na 103ª edição da Grande Boucle. Ambos viram o triunfo ser-lhes negado pelo holandês Tom Dumoulin (Team Giant-Alpecin), mas não o brilho de subir ao pódio: Costa pela combatividade na 19ª etapa, Oliveira pela vitória final por equipas.

Hugo Sabido: “Objectivo para a Volta é a defesa do nosso líder Nocentini”

Este ano, o Sporting Clube de Portugal regressou ao ciclismo aliando-se ao clube mais antigo da modalidade no activo, o Tavira. Nas suas fileiras uniu juventude e maturidade, garantindo lugar a Hugo Sabido, de 36 anos, um dos mais experientes ciclistas lusos do pelotão nacional.

Alejandro Marque: “Assinei por esta equipa para tentar ganhar a Volta”

O Cycling & Thoughts esteve à conversa com Alejandro Marque no início do Troféu Joaquim Agostinho, última competição antes da Volta a Portugal. O experiente ciclista galego de 34 anos pedala este ano na equipa LA Alumínios-Antarte e, antes de partir para o contra-relógio inaugural do mítico Troféu, fez-nos um balanço da temporada e abordou os objectivos para a Volta.

Rui Sousa: “Tenho o direito e a liberdade de sonhar em poder vencer a Volta a Portugal”

Rui Sousa prepara-se para viver uma vez mais a sua corrida de eleição. Aos 40 anos de idade, lidera a Rádio Popular-Boavista com o objectivo de chegar ao pódio da Volta a Portugal, seu por cinco vezes na carreira. A duas semanas do início da Volta, o experiente ciclista falou com o Cycling & Thoughts em pleno Troféu Joaquim Agostinho sobre a prova rainha do calendário nacional.

Et4 VPFuturo: Wilson Enrique Rodriguez conquista Volta a Portugal do Futuro

A armada colombiana Boyacá Raza de Campeones foi a grande vencedora do último dia da Volta a Portugal do Futuro. Camilo Diagama triunfou no alto da Serra do Larouco e Wilson Enrique Rodriguez conquistou a geral da 24ª edição.

Et3 VPFuturo: triunfo colombiano de Miguel Florez em Boticas

Ao terceiro dia de competição, a Volta a Portugal do Futuro conheceu o terceiro dono da mais desejada camisola amarela. O colombiano Miguel Florez agarrou o triunfo em Boticas, subindo à liderança da geral. Completaram o pódio da jornada o companheiro de equipa Wilson Enrique Rodriguez e o espanhol Juan Lopez (Café Baque).

Et2 VPFuturo: Luís Gomes triunfa em Azeméis

Oliveira de Azeméis recebeu o final a toda a velocidade na segunda etapa da Volta a Portugal do Futuro. O luso Luís Gomes agarrou o triunfo para a equipa da casa Liberty Seguros-Carglass, assumindo o comando da camisola amarela. Completaram o pódio da jornada o luso Francisco Campos (Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade) e o colombiano Miguel Florez (Boyaca Raza de Campeones).

Et1 VPFuturo: Xuban Errazkin triunfa em Condeixa

O espanhol Xuban Errazkin (Café Baque) abriu com uma vitória a 24ª Volta a Portugal do Futuro. O norueguês Erlend Sor (Caja Rural-Seguros RGA) e o luso Luís Gomes (Liberty Seguros-Carglass) completaram o pódio.

Rafael Reis líder do Ranking APCP Ciclista do Ano pelo 4º mês consecutivo

Rafael Reis mantém-se forte na liderança do Ranking APCP Ciclista do Ano pelo 4º mês consecutivo. O jovem ciclista da W52-FC Porto fortaleceu em Julho o comando da tabela nacional, totalizando agora 649 pontos, fruto da vitória no prólogo do Troféu Joaquim Agostinho. O 2º lugar continua a pertencer a Joni Brandão (Efapel), com os mesmos 391 pontos do mês transacto, e ao 3º lugar sobe Raúl Alarcón (W52-FC Porto) com 326 pontos, vencedor de uma etapa e 3º na geral do mítico Troféu.

Opinião TJAgostinho: ciclistas e organização

Terminou mais uma edição do Grande Prémio Internacional de Torres Vedras – Troféu Joaquim Agostinho. Em 2016, vários foram os ciclistas que se destacaram no decorrer das quatro jornadas, desde os mais jovens aos mais experientes do pelotão nacional. Em termos de organização, há também factores a assinalar nesta 39ª edição.

Celestino Pinho: “Vou sempre continuar ligado ao ciclismo”

Encontrámos Celestino Pinho em pleno Troféu Joaquim Agostinho. Rosto bem conhecido dos amantes de Ciclocrosse, o campeão da vertente de inverno de ciclismo destacou-se igualmente na Estrada. Longe da competição desde o final de 2012, continua ligado à modalidade como massagista na equipa W52-FC Porto.

Et3 TJAgostinho: Veloso triunfa na Carvoeira, Nocentini conquista amarela

A experiência triunfou no derradeiro dia. Gustavo Veloso (W52-FC Porto), de 36 anos, venceu a última etapa no alto da Carvoeira e Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira), de 38 anos, defendeu de forma imperiosa a camisola amarela, conquistando a 39ª edição do Troféu Joaquim Agostinho.

Et2 TJAgostinho: Raúl Alarcón triunfa em Torres Vedras

Sem festejos pela surpresa da vitória, o espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) venceu de forma descontraída a segunda etapa do Troféu Joaquim Agostinho, após cinco voltas ao circuito de Torres Vedras. O italiano Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira) manteve a camisola amarela.

Et1 TJAgostinho: João Benta é rei em Montejunto

No alto de Montejunto, João Benta (Louletano-Hospital de Loulé) foi rei pelo segundo ano consecutivo agarrando a vitória da primeira etapa do 39º Troféu Joaquim Agostinho. O italiano Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira) terminou em segundo na meta, subindo ao comando da camisola amarela. O luso Hernâni Brôco (LA Alumínios-Antarte) fechou o pódio da jornada.

Entrevista a João Benta, em busca do sonho e da vitória

João Benta chega ao 39º Troféu Joaquim Agostinho como defensor do título alcançado em 2015. Nessa edição, o corredor da equipa Louletano-Hospital de Loulé conquistou a amarela fazendo das etapas de montanha momentos cruciais para chegar ao mais alto lugar do pódio. Venceu no Alto de Montejunto e foi terceiro no Alto da Carvoeira.

Soufiane Haddi (Skydive Dubai): “Probably next year we’ll be Pro Continental”

Soufiane Haddi is nowadays in Portugal, riding the Troféu Joaquim Agostinho for the Morocco National Team. The 25 year old rider is one of the crucial pieces of the well known Skydive Dubai-Al Ahli Club, continental team of the United Arab Emirates with the Portuguese management of Ricardo Martins.

Prólogo TJAgostinho: Rafael Reis arrasa no Turcifal

Rafael Reis (W52-FCPorto) tem protagonizado uma temporada de sucesso e hoje, na abertura do Troféu Joaquim Agostinho, não deu hipótese à concorrência conquistando o prólogo de 8 km com um tempo imbatível de 10m19s. O companheiro de equipa Gustavo Veloso e Rinaldo Nocentini (Sporting CP-Tavira) completaram o pódio.

Daniela Reis de ouro nos Nacionais

Daniela Reis sagrou-se pelo segundo ano consecutivo campeã nacional de fundo em elite. À semelhança do ano transacto, a jovem ciclista da equipa francesa DN17 Poitou-Charentes juntou este título ao de contra-relógio.

Campeões Nacionais de Contra-relógio Cadetes, Juniores e Femininas

Esta sexta-feira, o município de Vila Flor deu a conhecer os campeões nacionais de contra-relógio nos escalões masculinos de cadetes e juniores e em todos os escalões das femininas. A ciclista internacional Daniela Reis (DN17 Poitou-Charentes) conquistou o título em elite pelo segundo ano consecutivo.

José Mendes, retrato do campeão nacional

José Mendes (Bora-Argon18) chegou a Braga sem favoritismos. Para a prova de fundo dos Campeonatos Nacionais, os focos não incidiam sobre o vice-campeão nacional de contra-relógio. 4h50m06s foi o tempo necessário para superar favoritismos, as onze subidas do Bom Jesus e do Sameiro, resistir ao ataque do campeão nacional de contra-relógio Nelson Oliveira (Movistar Team), contra-atacar na derradeira escalada e vencer com 18s de vantagem a prova que dá direito a envergar a cobiçada camisola com as cores nacionais e levá-la às mais importantes provas do ciclismo mundial.

Rafael Reis consolida liderança do Ranking APCP Ciclista do Ano

Rafael Reis (W52-FC Porto) consolidou a liderança do Ranking APCP Ciclista do Ano. No mês de Junho, o jovem corredor da equipa azul e branca totalizou 599 pontos, mais 208 do que Joni Brandão (Efapel), que manteve o 2º lugar. Ao 3º lugar subiu Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé), a 293 pontos de distância.

José Mendes: “Era um título que ambicionava muito na minha carreira”

José Mendes (Bora-Argon18) conquistou o ouro na prova de fundo dos Campeonatos Nacionais Elite, após agarrar a prata na especialidade de contra-relógio. O pódio ficou completo de internacionais lusos com Nelson Oliveira (Movistar Team) e Ricardo Vilela (Caja Rural-Seguros RGA) a guardarem para si a prata e o bronze.

Tiago Ferreira agarra ouro no Mundial de Maratonas

Tiago Ferreira sagrou-se este domingo Campeão do Mundo de Maratonas BTT (XCM). O título alcançado pelo português de 27 anos é o segundo a nível mundial de elite alcançado por Portugal, depois de Rui Costa (Lampre-Merida) brilhar em 2013 no Mundial de Estrada.

Rúben Guerreiro: “Foi uma vitória de raça”

Rúben Guerreiro (Axeon Hagens Berman) conquistou a medalha de ouro na prova de fundo dos Campeonatos Nacionais em sub-23. Hugo Nunes (Anicolor) e o defensor do título Nuno Bico (Klein Constantia) completaram o pódio em Braga.

Nelson Oliveira Campeão Nacional Elite de Contra-relógio 2016

O internacional Nelson Oliveira (Movistar Team) sagrou-se pela quarta vez, terceira consecutiva, campeão nacional de contra-relógio no escalão elite. Mostrando-se imbatível nesta especialidade, arrebatou a medalha de ouro superando José Mendes (Bora-Argon18) e o actual líder do Ranking APCP ‘Ciclista do Ano’ Rafael Reis (W52-FC Porto), prata e bronze respectivamente.

Gaspar Gonçalves Campeão Nacional Sub-23 de Contra-relógio 2016

Gaspar Gonçalves (Liberty Seguros-Carglass) voou para o ouro nos Campeonatos Nacionais de Contra-relógio, no escalão sub-23. A prata e o bronze ficaram nas mãos de Jorge Magalhães (Anicolor) e Ivo Oliveira (Liberty Seguros-Carglass).

Ángel Sánchez vence Memorial Bruno Neves

Ángel Sánchez é o segundo espanhol a conquistar o Memorial Bruno Neves nas suas oito edições. Na terceira prova da Taça de Portugal Elite, o ciclista da W52-FC Porto chegou à meta com uma vantagem de quase 3 minutos sobre António Barbio (Efapel) e Joaquim Silva (W52-FC Porto), dupla lusa a completar o pódio da jornada. Daniel Freitas (W52-FC Porto) manteve o comando da Taça.

Juan Ignacio Perez triunfa em Azeméis

O espanhol Juan Ignacio Perez (W52-FC Porto) agarrou o triunfo do Troféu Concelhio de Oliveira de Azeméis, segunda prova pontuável da Taça de Portugal Elite. Completou o pódio a dupla lusa João Benta (Louletano-Hospital de Loulé) e Daniel Freitas (W52-FC Porto), que subiu ao comando da Taça destronando Pedro Paulinho (LA Alumínios-Antarte).

Et3 GP Abimota: etapa e geral para Filipe Cardoso

A vitória da última etapa do Grande Prémio Abimota sorriu a Filipe Cardoso, grande vencedor da 37ª edição. Completaram o pódio da geral Juan Ignacio Perez (W52-FC Porto) e Luís Mendonça (Sicasal-Constantinos-Udo).

Et2 GP Abimota: vitória e liderança de Juan Ignacio Perez em dia de expulsão do camisola amarela

O espanhol Juan Ignacio Perez (W52-FC Porto) venceu hoje a segunda etapa do Grande Prémio Abimota e subiu à liderança da prova, fruto da expulsão do anterior camisola amarela Luca Wackermann (Nasr Dubai). O corredor italiano e o espanhol Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé) agrediram-se após o sprint final, sendo ambos expulsos da competição.

Et1 GP Abimota: vitória de Luca Wackermann

Luca Wackermann venceu a etapa inaugural do Grande Prémio Abimota e vestiu a primeira camisola amarela da 37ª edição. O corredor italiano de 24 anos da Nasr Dubai superou ao sprint a dupla lusa Rafael Silva (Efapel) e Luís Mendonça (Sicasal-Constantinos-Udo).

Pontos altos da 78ª Volta a Portugal

Aproxima-se o momento alto da temporada lusa de ciclismo. A prova rainha Volta a Portugal disputa-se de 27 de Julho a 7 de Agosto, organizada pela Podium Events e com o novo patrocinador principal Santander Totta.

Et4 GP JN: W52-FC Porto conquista os Aliados

Aliados na equipa e na amizade, António Carvalho e Rafael Reis brilharam em plena Avenida conquistando para a W52-FC Porto a vitória da última etapa e a geral do 26º Grande Prémio Jornal de Notícias.

Et3 GP JN: vitória e liderança de Daniel Mestre

Daniel Mestre (Efapel) conquistou hoje a segunda vitória no Grande Prémio Jornal de Notícias ao vencer a etapa rainha da 26ª edição. Esta vitória levou-o a assumir o comando da camisola amarela, destronando Raúl Alarcón (W52-FC Porto) para segundo da geral.

Et2 GP JN: Tomas Vaitkus vence em Ovar, Alarcón mantém amarela

Tomas Vaitkus (Nasr-Dubai) venceu num renhido sprint a segunda etapa do Grande Prémio Jornal de Notícias. Raúl Alarcón (W52-FC Porto) segurou a liderança da camisola amarela.

Rafael Reis segura liderança do Ranking APCP Ciclista do Ano

Rafael Reis (W52-FC Porto) manteve o comando do Ranking APCP Ciclista do Ano pelo segundo mês consecutivo. Em Maio totalizou 378 pontos, reforçando a liderança com o desempenho no Grande Prémio do Dão, prova onde ganhou uma etapa e finalizou em terceiro da geral. O vencedor deste Grande Prémio, Joni Brandão (Efapel), teve entrada directa para o 2º lugar do Ranking nacional com 371 pontos, descendo para 3º David de la Fuente (Sporting CP-Tavira) com 189 pontos.

Et1 GP Dão: vitória de Raúl Alarcón

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) conquistou a vitória em solitário da etapa inaugural do Grande Prémio do Dão. Os lusos Joni Brandão (Efapel) e Rafael Reis (W52-FC Porto) completaram o pódio da jornada.

Amgen Tour of California, a corrida mais louca, bela e cativante alguma vez vista

De ano para ano, a paixão pelo ciclismo americano aumenta. Ciclistas, equipas, corridas... tudo tem um je ne sais quoi que cativa, emociona, empolga e faz vibrar de modo diferente. As emoções experienciadas ao longo das corridas são brutais, de uma inigualável chama de atracção, crescente edição após edição. Depois de se acompanhar estas provas pela primeira vez, podemos afirmar que se fica viciado na forma despretensiosa e descontraída de como são vividas, repetindo o ritual de acompanhar mais uma edição, passem os anos que passarem.

Pedro Paulinho vence em Albergaria

Pedro Paulinho (LA Alumínios-Antarte) venceu ao sprint a Volta a Albergaria, primeira prova pontuável da Taça de Portugal Elites. Completaram o pódio Daniel Freitas (W52-FC Porto) e o internacional luso Edgar Pinto (Skydive Dubai-Al Ahli Club).

Liliana Jesus: “Estou muito feliz por sagrar-me vencedora da Taça”

Liliana Jesus (5Quinas-Município de Albufeira) sagrou-se a grande vencedora em elite da Taça de Portugal Femininas. A última prova em Setúbal viu triunfar na meta a campeã nacional Daniela Reis (DN17 Poitou-Charentes).

Et3 GP Beiras: etapa rainha e geral para Joni Brandão

Joni Brandão (Efapel) venceu a etapa rainha no alto das Penhas da Saúde e conquistou o Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela. Sergio Pardilla (Caja Rural-Seguros RGA) e Edgar Pinto (Selecção Nacional) completaram o pódio da etapa e da geral.

Et2 GP Beiras: vitória de José Gonçalves e liderança de Wackermann

Continua a senda de vitórias da Caja Rural-Seguros RGA. Na etapa de hoje do GP Beiras e Serra da Estrela, o luso José Gonçalves garantiu o oitavo triunfo da temporada para a equipa espanhola. O italiano Luca Wackermann (Nasr-Dubai) foi terceiro na meta e subiu à liderança da camisola amarela.

Et1 GP Beiras: vitória de Eduard Prades

A Caja Rural-Seguros RGA iniciou o GP Beiras e Serra da Estrela com uma vitória ao sprint do catalão Eduard Prades, primeiro camisola amarela da prova lusitana.

Bruno Pires em entrevista: primeira parte da temporada, Tour de Suisse e Volta a Portugal

Bruno Pires terminou a primeira parte da temporada com um Top 10 no Tour d’Azerbaidjan. O 7º lugar na geral reflectiu o mais forte desempenho alcançado até ao momento pelo experiente ciclista português, neste primeiro ano com as cores suíças da Team Roth.

José Manuel Gutiérrez: “Al cruzar la línea de meta, ganas de gritar”

La primera y tan soñada victoria de la temporada llegó para José Manuel Gutiérrez (CC Rias Baixas) en el Trofeo da Ascensión, en la 18ª edición de la clásica puntuable para el Ranking de la RFEC – Real Federación Española de Ciclismo.

Rui Costa, 4º ciclista mais regular do mundo

O campeão nacional Rui Costa (Lampre-Merida) destaca-se na primeira parte da temporada como um dos mais regularidades corredores do pelotão internacional. No presente ano de 2016, o campeão do mundo de 2013 já inscreveu no seu palmarés 17 Top 10 nas provas disputadas até ao momento.

César Martingil conquista Taça de Portugal Sub-23

César Martingil (Liberty Seguros-Carglass) sagrou-se este domingo o grande vencedor da Taça de Portugal Sub-23. O companheiro de equipa Rui Oliveira venceu a última prova pontuável em Murtosa.

José Gonçalves, vitória inédita na Turquia

O português José Gonçalves (Caja Rural-Seguros RGA) alcançou este domingo a vitória inédita do 52º Presidential Cycling Tour of Turkey (2.HC). Aos 27 anos, Gonçalves entra para a história como o primeiro ciclista luso a conquistar a geral da prova por etapas na Turquia.

Rafael Reis: “O principal no ciclismo é a motivação”

Rafael Reis soma e segue em 2016. O jovem talento da W52-FC Porto parece ter-se reencontrado no ciclismo, destacando-se esta temporada com três importantes vitórias. O carácter decidido e focado relembram o jovem que conquistou desde juvenis vitórias, pódios e medalhas em Portugal pelas equipas que representou e no mundo pela Selecção Nacional.

Giro d’Italia 2016

Sete dias separam-nos da mais bela prova de três semanas do World Tour, considerada por muitos ciclistas a mais dura das grandes voltas. O Giro d’Italia (2.UWT) irá percorrer 3.467,1 km de 6 a 29 de Maio, começando além-fronteiras pela 12ª vez na sua história.

Rafael Reis no comando do Ranking APCP Ciclista do Ano

O Ranking APCP Ciclista do Ano ganhou nova liderança no final do mês de Abril. Rafael Reis (W52-FC Porto) totalizou para a tabela nacional 258 pontos, destacando-se na Volta à Bairrada com a vitória da sua especialidade em contra-relógio na última etapa e a conquista da geral, prova onde protagonizou uma renhida luta pela camisola amarela com Daniel Mestre (Efapel), 11º do Ranking com 76 pontos. Para a 2ª posição desceu David de la Fuente (Sporting CP-Tavira), mantendo os 189 pontos, bem como o companheiro de equipa Jesús Ezquerra desceu para 3º, permanecendo com os 149 pontos do mês anterior.

Liliana Jesus mais líder da Taça de Portugal Femininas

Depois de ontem ter assumido o comando da Taça de Portugal Femininas, Liliana Jesus fortaleceu a liderança esta segunda-feira ao vencer a terceira prova pontuável na Trofa. A sua equipa 5Quinas-Município de Albufeira e a Academia Joaquim Agostinho-Udo mantiveram o domínio nos diversos escalões.

Academia Joaquim Agostinho e 5Quinas dominam Taça de Portugal Femininas

A segunda prova pontuável da Taça de Portugal Femininas foi totalmente dominada pelas equipas Academia Joaquim Agostinho-Udo e 5Quinas-Município de Albufeira. As esquadras venceram as corridas nos diversos escalões, tendo em elite recaído a vitória em Ana Valido e a liderança da Taça em Liliana Jesus.

Et3 Volta à Bairrada: Rafael Reis conquista Bairrada

Rafael Reis somou mais um triunfo nesta temporada ao conquistar o derradeiro contra-relógio e a geral da Volta à Bairrada. Favorito para o último dia de batalha, o jovem de 23 anos da W52-FC Porto bateu toda a concorrência no esforço individual, juntando à vitória da Clássica de Amarante a conquista da 3ª edição da Volta Bairradina. Alejandro Marque (LA Alumínios-Antarte) e Ivo Oliveira (Liberty Seguros-Carglass) completaram o pódio da etapa e da geral.

O momento de Rui Costa em Liège

“Eu sabia que era ali que tudo se iria decidir, por isso, cheguei-me à frente e não hesitei quando chegou a hora de ir ao máximo.” Côte de la Rue Naniot (10,5% de pendente), uma subida de 600m em empedrado a 3,3 km da meta, foi o momento crucial que ditou o pódio de Rui Costa (Lampre-Merida) na Liège-Bastogne-Liège (1.UWT).

Et2 Volta à Bairrada: Daniel Mestre – “Esta vitória significa muito para mim”

Daniel Mestre alcançou um renhido triunfo na segunda etapa da Volta à Bairrada. Na meta em Casal Comba, o ciclista da Efapel bateu em cima da linha Rafael Reis (W52-FC Porto), subindo à liderança da camisola amarela.

Et1 Volta à Bairrada: vitória de Samuel Caldeira

Samuel Caldeira (W52-FC Porto) venceu este sábado a etapa inaugural da 3ª Volta à Bairrada. Na meta instalada na Mealhada, o sprinter de 30 anos bateu na linha o jovem Rui Oliveira (Liberty Seguros-Carglass), completando o pódio o companheiro Daniel Freitas.

Joni Brandão, pódio inédito em Castilla y León

A Vuelta Castilla y León (2.1) está cada vez mais lusitana, não só pela incursão da competição espanhola por terras portuguesas como também pelo elevado número de equipas lusas no pelotão. Na 31ª edição, o pódio contou com a presença lusa de Joni Brandão (Efapel) a finalizar em terceiro da geral, nunca antes alcançado por um ciclista português na história da prova. Alejandro Valverde (Movistar Team) foi o grande vencedor e Pello Bilbao (Caja Rural-Seguros RGA) terminou em segundo lugar.

Daniela Reis brilha entre a elite feminina em Espanha

O ciclismo feminino tem, na actualidade, uma representante de peso nas provas internacionais. A campeã nacional Daniela Reis (DN17 Poitou-Charentes), actual líder da Coupe de France Dames e da Taça de Portugal Femininas, acaba de disputar em Espanha duas importantes provas entre um pelotão de alto nível internacional, a prova de um dia Durango e a corrida por etapas Volta ao País Basco.

Destaque de Guerreiro e Bico em Liège

Rúben Guerreiro (Axeon-Hagens Berman) e Nuno Bico (Klein Constantia) terminaram entre os primeiros a dura clássica belga Liège-Bastogne-Liège U23. Rúben Guerreiro foi terceiro na vitória do companheiro de equipa norte-americano Logan Owen (Axeon-Hagens Berman) e o campeão nacional Nuno Bico sétimo no final de uma jornada passada em fuga.

Sterrato na Volta a Portugal 2016?

A edição número 78 da Volta a Portugal pode introduzir numa das etapas a inovadora estreia de um troço em terra batida. O famoso sterrato será vivido em Fafe, em cerca de 2,2 km do tradicional percurso do Rali de Portugal.

Mathew Hayman e a doce loucura de vencer Roubaix

Paris-Roubaix é tudo ou nada, ou se ama ou se odeia. Mathew Hayman (Orica-GreenEdge), australiano prestes a completar 38 anos no dia 20 de Abril, tem desde sempre a rainha das clássicas no seu coração. Na sua 15ª participação, aconteceu o que parecia impossível alcançar na sua longa carreira. Venceu Paris-Roubaix, contra todas as expectativas, batendo na linha nada mais do que Tom Boonen (Etixx-Quick Step), belga que já venceu por quatro vezes o “Inferno do Norte”.

Perspectiva pessoal da Volta às Terras de Santa Maria 2016

‘Quando vais para uma corrida, nunca sabes o que esperar.’ Esta frase, ouço-a desde que cheguei ao ciclismo e fiz dela a minha realidade, já que é exactamente o que sinto à partida de uma nova prova. Este fim-de-semana, de 9 e 10 de Abril, acompanhei o pelotão mais jovem das equipas de clube na 25ª Volta às Terras de Santa Maria, que significou o meu regresso à primeira prova que vivi in loco em 2013.

Et2 VTSM: Luís Gomes, o conto de uma vitória

Luís Gomes conquistou a vitória muito sonhada. Depois de vencer a primeira etapa, na segunda e última jornada o jovem corredor da Liberty Seguros-Carglass perdeu a amarela no contra-relógio do primeiro sector, voltando a conquistá-la no Circuito do Castelo do segundo sector, acrescentando ao seu palmarés o triunfo da 25ª Volta às Terras de Santa Maria – Troféu Fernando Mendes. O espanhol Pedro Merino (Supermercados Froiz) e o argentino Jorge Montenegro (Alumínios Cortizo-CC Padrones) completaram o pódio da geral.

Et1 VTSM: vitória de Luís Gomes

Luís Gomes (Liberty Seguros-Carglass) repetiu a glória do ano transacto e conquistou a etapa inaugural da 25ª Volta às Terras de Santa Maria – Troféu Fernando Mendes. Na batalha pelo sprint final, superou na linha o argentino Jorge Montenegro (Aluminios Cortizo-CC Padrones) e Luís Mendonça (Sicasal-Constantinos-Udo).

David de la Fuente: “Recuperé la ilusión que se me había escapado en 2015”

David de la Fuente llegó en Marzo al liderato del Ranking Portugués ‘Ciclista del Año’, elaborado por la APCP – Asociación Portuguesa de Ciclistas Profesionales. El experimentado ciclista español enfrenta su segundo año en el pelotón luso, ahora con los colores del equipo Sporting CP-Tavira, sumando ya en 2016 la victoria del maillot de la montaña en el GP Liberty Seguros, donde ha finalizado en 10º de la general, el 2º lugar en la Clássica de Amarante, 3º en la Volta ao Alentejo y 9º en la Clássica da Primavera.

David de la Fuente: “Recuperei o entusiasmo que tinha perdido em 2015”

David de la Fuente chegou em Março à liderança do Ranking Português ‘Ciclista do Ano’, elaborado pela APCP – Associação Portuguesa de Ciclistas Profissionais. O experiente ciclista espanhol enfrenta o seu segundo ano no pelotão luso, agora com as cores da equipa Sporting CP-Tavira, contando já em 2016 com a vitória da camisola da montanha no GP Liberty Seguros, onde finalizou em 10º da geral, o 2º lugar na Clássica de Amarante, 3º na Volta ao Alentejo e 9º na Clássica da Primavera.

Daniela Reis lidera Taça de Portugal Femininas

Poucos dias após conquistar a segunda prova em Mont Pujols e subir à liderança da Coupe de France Dames, a campeã nacional Daniela Reis (DN17 Poitou-Charentes) entrou a ganhar na Taça de Portugal Femininas. Em Cascais, a lusa de 22 anos venceu a primeira prova pontuável diante da dupla Liliana Jesus e Celina Carpinteiro (5Quinas-Município de Albufeira).

Rúben Guerreiro vence GP Palio del Recioto

Rúben Guerreiro (Axeon-Hagens Berman) fez jus ao seu nome na conquista do GP Palio del Recioto. O jovem português de 21 anos superou na meta o checo Michal Schlegel (Klein Constantia), após uma jornada vivida quase na totalidade em fuga. Uma vitória de Guerreiro!

Volta às Terras de Santa Maria 2016

No fim-de-semana de 9 e 10 de Abril, realiza-se a 25ª edição da Volta às Terras de Santa Maria - Troféu Fernando Mendes. Destinada às equipas de clube sub-23/elite, a prova organizada pelo Sport Ciclismo São João de Ver disputa-se em duas etapas, a segunda com dois sectores, num total de 195,4 km.

Nuno Bico: “Espero muito desta temporada”

Na vida de ciclista profissional, tudo sucedeu cedo e acertadamente para o jovem de 21 anos Nuno Bico, vigente campeão nacional sub-23. Subiu a profissional aos 18 anos, através da Rádio Popular-Boavista, onde permaneceu de 2013 a 2015. Na presente temporada deu o salto internacional para a Klein Constantia, equipa continental sediada na República Checa, satélite da World Tour Etixx-Quick Step, que neste início de ano conta com quatro vitórias UCI, três delas alcançadas na lusitana Volta ao Alentejo (2.2).

David de la Fuente assume liderança do Ranking APCP

No final de Março, David de la Fuente (Sporting CP-Tavira) assume a liderança do Ranking APCP Ciclista do Ano 2016, somando 189 pontos. O experiente ciclista espanhol destacou-se no Top 10 das competições do mês, obtendo o 2º lugar na Clássica de Amarante, 3º na Volta ao Alentejo, 9º na Clássica da Primavera e 10º no GP Liberty Seguros, concluindo ainda três etapas das referidas provas entre os primeiros dez na meta. Este desempenho levou-o ao comando do Ranking, destronando o luso Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte), agora na 7ª posição com 80 pontos.

Equipa Moreira Congelados: união e superação na Alentejana

Os ciclistas da equipa de clube Moreira Congelados-Feira-Bicicletas Andrade fizeram parte do competitivo pelotão de 169 corredores da Volta ao Alentejo, superando com garra e determinação a 34ª edição da Alentejana. Venceslau Fernandes foi o melhor corredor colocado na geral da formação do Sport Ciclismo São João de Ver.

Et5 Volta ao Alentejo: Cavagna vence etapa, Enric Mas conquista 34ª Alentejana

A Klein Constantia, do campeão nacional luso sub-23 Nuno Bico, terminou em grande a 34ª edição da Volta ao Alentejo (2.2). A equipa checa triunfou na meta em Évora com o francês Remi Cavagna e conquistou a geral com o espanhol Enric Mas. Completaram o pódio da geral final Krister Hagen (Team Coop-Oster Hus) e David de la Fuente (Sporting CP-Tavira). Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) triunfou na montanha e Rafael Silva (Efapel) brilhou em 5º como melhor luso na geral.

Et4 Volta ao Alentejo: Amaro Antunes na luta pela montanha alentejana

O penúltimo dia da Volta ao Alentejo (2.2) viu a vitória sorrir novamente à equipa Metec-TKH, desta feita pelo holandês Jarno Meyling, que superou ao sprint os espanhóis Jose de Segovia (Louletano-Hospital de Loulé) e Garikoitz Bravo (Euskadi-Murias). A camisola amarela manteve-se em Krister Hagen (Team Coop-Oster Hus) e os lusos Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) e Rafael Silva (Efapel) continuaram a brilhar no pódio como líder da montanha e melhor luso na geral respectivamente.

Et3 Volta ao Alentejo: Rafael Silva brilha como melhor luso na geral

O encanto alentejano torna a Volta ao Alentejo (2.2) numa das mais acarinhadas competições do calendário lusitano. Se juntarmos a esse facto o brilho dos ciclistas portugueses no pódio, temos então a mais bela das provas por etapas do panorama nacional. Na terceira etapa, o holandês Johim Ariesen (Metec-TKH) sprintou para a vitória na meta, completando o pódio o companheiro de equipa Tijmen Eising e o norueguês Havard Blikra (Team Coop-Oster Hus). O português Rafael Silva (Efapel) foi o melhor luso na meta e Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) manteve a camisola da montanha.

Andrey Amador, o herói costa-riquenho do World Tour

No seio da esquadra espanhola Movistar Team pedala uma das estrelas em crescendo no World Tour. Único costa-riquenho no mais alto nível do ciclismo profissional, a cada temporada Andrey Amador ganha maior espaço mediático pelas performances obtidas nas mais importantes competições internacionais. Natural de San Ramón de Alajuela, o ciclista de 29 anos esteve perto de alcançar o pódio no Giro d’Italia de 2015, terminando em 4º da geral, feito que o transportou para um novo patamar de expectativas quanto ao que pode atingir a nível individual em provas desta dimensão.

Et2 Volta ao Alentejo: triunfo e liderança de Enric Mas

A vitória da segunda etapa da Volta ao Alentejo (2.2) ficou novamente em mãos espanholas, desta feita em Enric Mas (Klein Constantia), que subiu à liderança da camisola amarela. O basco Garikoitz Bravo (Euskadi-Murias) e o luso Rui Oliveira (Liberty Seguros-Carglass) completaram o pódio.

Et1 Volta ao Alentejo: triunfo de Imanol Estevez, protagonismo de Amaro Antunes

O espanhol Imanol Estevez (Euskadi-Murias) venceu a etapa inaugural da 34ª Volta ao Alentejo (2.2), completando o pódio os conterrâneos David de la Fuente e Jesús Ezquerra da equipa lusa Sporting CP-Tavira. O luso Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte) foi o grande protagonista na montanha.

Mariano Cañardo, o campeão espanhol que apaixonou Lisboa

Portugal e Espanha têm uma ligação de vários séculos e a diversos níveis. Política, cultural e desportivamente, os dois países partilham fronteiras e amizades que se perpetuam no tempo. No ciclismo não é diferente e a ligação é feita de momentos únicos e inolvidáveis, como a vitória de “o primeiro campeão” em Lisboa. Falamos desse singular ciclista espanhol, Mariano Cañardo, que em 1939 venceu a primeira e única edição da corrida por etapas Madrid-Lisboa.

Et2 GP Liberty Seguros: Will Routley vence etapa, August Jensen conquista a geral

O canadiano Will Routley (Rally Cycling), de 32 anos, venceu a última etapa do GP Liberty Seguros (2.2), Lagoa Cidade do Vinho 2016, completando o pódio da jornada a dupla espanhola Imanol Estevez (Euskadi-Murias) e Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé). O norueguês August Jensen (Team Coop-Oster Hus) defendeu a camisola amarela e conquistou em definitivo a 8ª edição da prova lusitana.

Et1 GP Liberty Seguros: Triunfo norueguês de August Jensen

O norueguês August Jensen (Team Coop-Oster Hus), de 24 anos, venceu ao sprint a etapa inaugural do 8º Grande Prémio Liberty Seguros (2.2), Troféu Restaurante Alpendre, superando o francês Pierre Moncorgé (Team Bliz-Merida) e o espanhol Vicente de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé). 

Rafael Reis: "Há uma responsabilidade acrescida em honrar esta aposta do FC Porto"

No passado fim-de-semana, o pelotão nacional regressou à estrada para viver a batalha das Clássicas lusas. Depois da abertura do calendário de estrada com a Volta ao Algarve, os ciclistas tomaram o asfalto do norte do país na disputa da Clássica de Amarante e da Clássica da Primavera (Póvoa de Varzim). Rafael Reis destacou-se em ambas as corridas, entregando à equipa W52-FC Porto a primeira vitória de 2016 em Amarante.

Anicolor 2016, desafio e renovação

Sediada em Mortágua, sob o comando desportivo de Pedro Silva, a equipa de clube Anicolor enfrenta uma desafiante temporada. Renovação é a palavra que se impõe em 2016, num grupo praticamente feito de caras novas, às quais se junta uma nova marca nos pedais, as bicicletas BMC teammachine SLR02.

Triunfo finlandês de Matti Manninen na Clássica da Primavera

Matti Manninen (Team Bliz-Merida) conquistou isolado na meta a 20ª edição da Clássica da Primavera. O ciclista finlandês de 23 anos triunfou após viver a jornada em fuga.

Rafael Reis conquista Clássica de Amarante

Rafael Reis conquistou a primeira vitória da temporada para a W52-FC Porto. Na linha final da Clássica de Amarante, o ciclista de 23 anos superou o experiente David de la Fuente (Sporting CP-Tavira) e o jovem Fábio Mansilhas (Anicolor).

Terceiro triunfo de Cancellara em Strade Bianche

Quando tudo parecia rumar à vitória da Etixx-Quick Step, o suíço Fabian Cancellara (Trek-Segafredo) deu o último e decisivo golpe de pedal nas ruas de Siena, conquistando Strade Bianche (1.HC) pela terceira vez na sua experiente carreira. A dupla da Etixx, Zdenek Stybar e Gianluca Brambilla, completou o pódio, ficando o campeão do mundo Peter Sagan (Tinkoff) na quarta posição.