Et2 Tour of the Gila: Eric Young triunfa em Fort Bayard

Eric Young, de 26 anos, triunfou ao sprint na segunda etapa do Tour of the Gila. A pedalar pelo terceiro ano na Optum p/b Kelly Benefits Strategies, o ciclista norte-americano chegou assim à primeira vitória da temporada, terceira para a equipa que já brilhou este ano nas metas lusitanas da Clássica de Loulé e do Troféu Alpendre Internacional do Guadiana.

Delio Fernández sobe à liderança do Ranking APCP

A competição de Abril traz um novo líder ao Ranking Ciclista do Ano, elaborado pela APCP – Associação Portuguesa de Ciclistas Profissionais. Delio Fernández (W52-Quinta da Lixa) assume a liderança, destronando o companheiro de equipa Samuel Caldeira para o segundo lugar, caindo igualmente Rúben Guerreiro (Axeon Cycling Team) para a terceira posição.

Delio Fernández soma 255 pontos, fruto da exibição conseguida na Volta à Bairrada, onde finalizou as duas etapas nos lugares cimeiros e terminou segundo na geral. O companheiro Samuel Caldeira encontra-se à curta distância de 15 pontos e Rúben Guerreiro a 40 pontos, não tendo o primeiro jovem sub-23 do Ranking competido em Portugal no mês de Abril.

O Ranking Equipa do Ano ganha nova liderança com a W52-Quinta da Lixa a somar 636 pontos. A LA Alumínios-Antarte desce assim para o segundo lugar, mantendo os mesmos 390 pontos, continuando em terceiro a Team Tavira com 287 pontos.

Et1 Tour of the Gila: Montiel derruba Mogollon

Rafael Montiel, colombiano de 33 anos da equipa Orgullo Antioqueño, venceu hoje a primeira etapa do Tour of the Gila, prova de cinco dias pedalados no Novo México, Estado no sudoeste do Estados Unidos da América. 

Marque e Veloso, domínio galego na Volta à Bairrada

Há muito que os galegos entraram no pelotão português, pontuando a colorida serpente de simpatia e triunfos marcantes no palmarés das provas nacionais. Este domingo, a 2ª edição da Volta à Bairrada viu brilhar na meta e na geral dois vencedores da Volta a Portugal. Alejandro Marque (Efapel) agarrou a vitória da última jornada, Gustavo Veloso (W52-Quinta da Lixa) conquistou a prova bairradina.

Depois do curto contra-relógio individual de sábado, a derradeira jornada cruzou o asfalto da Bairrada entre o Luso e a Mealhada, num total de 161,5 km. Com uma primeira parte sem grandes dificuldades, a não ser a insistente chuva que perseguiu o pelotão, a fase decisiva encontrar-se-ia após mais de 100 km pedalados, momento de coroar os dois altos do dia, duas 3ªs categorias de Moinho do Pisco (km 122,7) e o Alto do Sula (km 150,9), no Buçaco.

Precisamente esta última subida marcou a escalada de Alejandro Marque (Efapel) para a vitória da etapa. Localizada a 10 km da meta, Marque não só coroou o alto, como conseguiu manter uma distância juntamente com outro galego, Delio Fernández (W52-Quinta da Lixa), levando a discussão da jornada para a linha de todas as decisões. Na meta desenhada na Mealhada, o vencedor da Volta a Portugal 2013 foi mais forte no sprint, alcançando a primeira vitória da temporada depois de fechar recentemente a Vuelta a Castilla y León no 9º lugar. A 13s começaria a chegar o pelotão, sendo o luso Domingos Gonçalves (Efapel) a finalizar na 3ª posição.

Gustavo Veloso (W52-Quinta da Lixa) chegou em 5º, não beliscando a liderança com os 16s de diferença com que cruzou a meta. Quase tínhamos uma repetição do pódio da Volta a Portugal de 2014, com Veloso de camisola amarela e o companheiro Delio Fernández não em 3º mas a ocupar o 2º lugar do pódio final da Volta à Bairrada. A fechar as contas da geral, o jovem Rafael Reis (Team Tavira) a brilhar em 3º.

Além da amarela, Gustavo Veloso agarrou ainda a camisola verde dos pontos. Nas demais classificações secundárias, Bruno Sancho (Anicolor) triunfou nas metas volantes e Frederico Figueiredo (Rádio Popular-Boavista) triunfou na montanha, habitat natural de um dos jovens promissores do pelotão nacional. Por equipas, a W52-Quinta da Lixa foi soberana, destacando-se a Anicolor entre as equipas de clube.

Entre os mais jovens valores lusos em prova, a camisola branca da juventude permaneceu nas mãos de Ivo Oliveira (Liberty Seguros-Carglass), que finalizou em 11º da geral (a 57s). Rui Carvalho (Anicolor) foi 2º nesta classificação e 13º na geral (a 1m02s), fechando o pódio da juventude em 3º José Fernandes (Anicolor), 17º na geral (a 1m10s), recente vencedor da Volta às Terras de Santa Maria.

Alejandro Marque triunfa na última etapa da Volta à Bairrada
[Foto Zé Paulo]
Resultados Et2:
1º Alejandro Marque (Esp) Efapel 3:45:38
2º Delio Fernández (Esp) W52-Quinta da Lixa m.t.
3º Domingos Gonçalves (Por) Efapel +13”
4º Daniel Silva (Por) Rádio Popular-Boavista +16”
5º Gustavo Veloso (Esp) W52-Quinta da Lixa +16”
6º Samuel Caldeira (Por) W52-Quinta da Lixa +16”
7º Diego Rubio (Esp) Efapel +16”
8º Oscar González (Esp) Efapel +16”
9º Rafael Reis (Por) Team Tavira +16”
10º João Benta (Por) Louletano-Ray Just Energy +16”
Resultados completos aqui

Geral Final:
1º Gustavo Veloso (Esp) W52-Quinta da Lixa 3:56:11
2º Delio Fernández (Esp) W52-Quinta da Lixa +2”
3º Rafael Reis (Por) Team Tavira +3”
4º Diego Rubio (Esp) Efapel +10”
5º Daniel Silva (Por) Rádio Popular-Boavista +13”
6º Oscar González (Esp) Efapel +17”
7º Alejandro Marque (Esp) Efapel +20”
8º Samuel Caldeira (Por) W52-Quinta da Lixa +36”
9º Domingos Gonçalves (Por) Efapel +52”
10º Jose de Segóvia (Esp) Louletano-Ray Just Energy +52”

Geral Juventude:
1º Ivo Oliveira (Por) Liberty Seguros-Carglass
2º Rui Carvalho (Por) Anicolor
3º José Fernandes (Por) Anicolor
4º João Rodrigues (Por) Team Tavira
5º Venceslau Fernandes (Por) Moreira Congelados-Feira-KTM
6º Rafael Apolinário (Por) Liberty Seguros-Carglass
7º David Ribeiro (Por) Liberty Seguros-Carglass
8º Gaspar Gonçalves (Por) Liberty Seguros-Carglass
9º César Martingil (Por) Liberty Seguros-Carglass
10º André Ramalho (Por) CC José Maria Nicolau

______
(escrito em português de acordo com a antiga ortografia)

Gustavo Veloso vence crono bairradino

O pelotão nacional regressou este sábado à competição em território lusitano na Volta à Bairrada. Esta 2ª edição assumiu uma nova roupagem, ganhando mais um dia de prova com a introdução de uma 1ª etapa, na qual se disputou um curto contra-relógio individual de 8 km em Pampilhosa. Gustavo Veloso (W52-Quinta da Lixa) queimou o asfalto bairradino em 10m17s, assumindo a liderança da camisola amarela.

Nomes fortes da 24ª Volta às Terras de Santa Maria

Há vitórias que se conquistam na meta, outras há que são fruto de uma consistente regularidade aquando de corridas por etapas, nas quais a existência de um contra-relógio pode ser crucial no triunfo final. Na 24ª Volta às Terras de Santa Maria, o jovem de 19 anos da Anicolor, José Neves fez jus ao título de vice-campeão nacional sub-23 de contra-relógio e usou de toda a sua perícia para vestir a camisola amarela, que não largou mais até ao cerrar do pano da edição de 2015.

Edgar Pinto pedala sucesso na Skydive Dubai

«Ir para o estrangeiro é o meu grande objectivo, mas torna-se cada vez mais difícil», confessava-nos Edgar Pinto no final da temporada transacta. A meta, que parecia distante de cruzar, conquistou-a através da Skydive Dubai. A equipa sediada nos Emirados Árabes Unidos abriu a porta do ciclismo internacional a um dos mais promissores ciclistas portugueses da actualidade.

Paris-Roubaix, o conto de fadas de Wiggins

Há muitos séculos atrás, conta a lenda que se forjava a espada Excalibur na ilha de Avalon, arma que se tornaria letal nas mãos de King Arthur na defesa do reino da Grã-Bretanha. Séculos volvidos, nas fábricas da Pinarello forjou-se aquela que seria a arma letal de Sir Bradley Wiggins (Team Sky) na defesa da rainha das clássicas, Paris-Roubaix. Na última batalha de King Arthur contra Sir Mordred, a vitória não o impediu de ser ferido mortalmente. Na sua última batalha no WorldTour, na qual “tens de estar disposto a morrer pela causa” [como referiu ao jornal The Guardian], Wiggins viu a vitória ferida de morte. Nem a Dogma K8-S pôde com a força dos seus rivais. 

Renato Macedo vence Clásica de Páscua

Renato Macedo (Anicolor) venceu este sábado a Clásica de Páscua, primeira prova pontuável do Troféu Luso-Galaico. Na meta em Padrón, Galiza, o jovem luso de 22 anos impôs-se diante da elite espanhola Pedro Merino (Supermercados Froiz) e Javier Sarda (Rimo-Construcciones Paulino).

Tiago Machado perto do pódio de La Sarthe

Tiago Machado (Katusha) terminou esta sexta-feira o Circuit Cycliste Sarthe – Pays De La Loire com o sabor do pódio bem perto dos lábios. O 4º lugar alcançado ficou a escassos 7 segundos da vitória lograda por Ramunas Navardauskas (Cannondale-Garmin), com quem andou escapado na derradeira etapa em busca da vitória para chegar a um dos três lugares mais desejados da geral.

Diogo Nunes: “A equipa sente-se confiante”

Diogo Nunes é uma presença assídua no Ranking Equipier do Ano, elaborado pela APCP – Associação Portuguesa de Ciclistas Profissionais. O ciclista da Team Tavira, que acaba de completar 26 anos de idade, tem vindo a demonstrar qualidades excepcionais no trabalho em prol da equipa, ano após ano, de corrida em corrida, levando ao reconhecimento e reforço da confiança por parte dos companheiros. Em Março, valeu-lhe a subida à liderança do Ranking, o qual já venceu em 2013, ficando em segundo no ano transacto.

Samuel Caldeira: “A vitória tem estado perto”

Samuel Caldeira é o mais recente líder do Ranking Ciclista do Ano, elaborado pela APCP – Associação Portuguesa de Ciclistas Profissionais. O sprinter de 29 anos da W52-Quinta da Lixa entrou directamente para o 1º lugar do Ranking Nacional, fruto da regularidade alcançada nas provas do calendário luso do mês de Março.

Samuel Caldeira novo líder do Ranking APCP

Samuel Caldeira assume em Março a liderança do Ranking Ciclista do Ano, elaborado pela APCP – Associação Portuguesa de Ciclistas Profissionais. O ciclista da W52-Quinta da Lixa entra directamente para o 1º lugar com 225 pontos, reflexo dos bons resultados obtidos ao longo deste mês, em particular nas competições inseridas no programa Cyclin’Portugal como a Clássica de Loulé, o GP Liberty Seguros e a Volta ao Alentejo, na qual esteve perto do triunfo em etapas, finalizando a Alentejana na 4ª posição.